RELATO E REFLEXÃO EM MERLEAU-PONTY

Autores

  • Jeovane Camargo Universidade Federal de São Carlos - UFSCar

DOI:

https://doi.org/10.5216/phi.v18i1.22974

Palavras-chave:

descrição, reflexão, criação, temporalidade.

Resumo

A partir da análise da Fenomenologia da percepção (1945), procuramos compreender como o intento merleau-pontiano de retornar à experiência perceptiva e descrevê-la se articula com a noção de reflexão como criadora de campos de significação. Como a proposta de um retorno desinteressado à percepção efetiva se articula com a ideia de que a reflexão transforma o espetáculo do mundo? Tendo em vista que a noção de criação perpassa tanto a reflexão como ainda o movimento perceptivo, buscamos mostrar como ambos tem como estrutura fundamental a temporalidade, a qual articula o propósito de um relato desinteressado à ideia de uma reflexão criadora de novas dimensões de significação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jeovane Camargo, Universidade Federal de São Carlos - UFSCar

Departamento de Filosofia, doutorando na UFSCAR Area: Ciências Humanas

Downloads

Publicado

27-05-2013

Como Citar

CAMARGO, J. RELATO E REFLEXÃO EM MERLEAU-PONTY. Philósophos - Revista de Filosofia, Goiânia, v. 18, n. 1, p. 127–155, 2013. DOI: 10.5216/phi.v18i1.22974. Disponível em: https://revistas.ufg.br/philosophos/article/view/22974. Acesso em: 18 maio. 2024.