Humanismo renascentista e subjetividade

Autores

  • Jordino Marques

DOI:

https://doi.org/10.5216/phi.v4i2.11316

Resumo

No presente artigo,investigo como o humanismo renascentista, a partir de seu desejo de conhecimento e de uma idéia de dignidade do homem,pode ser encarado como um estágio prévio da subjetividade moderna que eclodirá no século XVII.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

05-09-2010

Como Citar

MARQUES, J. Humanismo renascentista e subjetividade. Philósophos - Revista de Filosofia, Goiânia, v. 4, n. 2, p. 135–150, 2010. DOI: 10.5216/phi.v4i2.11316. Disponível em: https://revistas.ufg.br/philosophos/article/view/11316. Acesso em: 3 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais