Estoque de carbono e modelos aditivos na estimativa da biomassa de Ilex paraguariensis

Autores

  • Ernandes Macedo da Cunha Neto
  • Gabriel Mendes Santana
  • Emmanoella Costa Guaraná Araujo
  • Hudson Franklin Pessoa Veras
  • Douglas Prado Marcos
  • Flaviana Friedrich
  • Carlos Roberto Sanquetta

Resumo

A erva-mate é um produto florestal não-madeireiro importante no Sul do Brasil, sendo cultivada junto com espécies nativas devido à sua necessidade de sombreamento, o que contribui para a conservação e fixação do carbono na sua biomassa. Contudo, a determinação da biomassa é difícil, pois as estimativas não garantem a aditividade entre os compartimentos e a biomassa total acima do solo. Objetivou-se avaliar modelo aditivo (seemingly unrelated regression - SUR) e não aditivo (ordinary least squares - OLS) de biomassa para um povoamento de erva-mate, além de comparar seu estoque de carbono com outros tipos de uso do solo, consolidando o seu potencial frente às mudanças climáticas. Um total de 30 árvores foram cortadas, compartimentadas e pesadas em balança digital, a fim de ajustar quatro modelos de biomassa. Os estoques de carbono foram comparados com valores encontrados na literatura. O viés do modelo SUR foi inferior a 2 %, exceto para as folhas, enquanto, no modelo OLS, variou entre 1 e 14 %. O erro variou entre 23 e 49 % para o SUR e entre 31 e 50 % para o OLS. Os modelos ajustados por SUR garantiram acurácia e aditividade dos compartimentos. O plantio de Ilex paraguariensis estocou mais carbono que áreas de agricultura e pasto, removendo mais gás CO2, evidenciando a sustentabilidade desse sistema e favorecendo a estabilidade climática.

PALAVRAS-CHAVE: Erva-mate, efeito estufa, mudanças climáticas, produtos florestais não-madeireiros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

07-10-2022

Como Citar

CUNHA NETO, E. M. da; SANTANA, G. M.; ARAUJO, E. C. G.; VERAS, H. F. P.; MARCOS, D. P.; FRIEDRICH, F. .; SANQUETTA, C. R. . Estoque de carbono e modelos aditivos na estimativa da biomassa de Ilex paraguariensis. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 52, p. e72966, 2022. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/72966. Acesso em: 7 fev. 2023.

Edição

Seção

Suplemento Especial: Mudança Climática na Agricultura