ESTÁDIO DE MATURAÇÃO DO FRUTO E USO DO ÁCIDO GIBERÉLICO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE MAMOEIRO

Autores

  • Antonio Wagner Pereira Lopes FESURV
  • Alexsander Seleguini UNIVERSIDADE FEDERAL DE GOIÁS - ESCOLA DE AGRONOMIA E ENGENHARIA DE ALIMENTOS
  • Aparecida Conceição Boliani Universidade Estadual Paulista (Unesp)
  • Luiz de Souza Corrêa Universidade Estadual Paulista (Unesp)

Palavras-chave:

Carica papaya, propagação, vigor de plântulas, regulador de crescimento

Resumo

 

A obtenção de mudas uniformes, capazes de estabelecer uma cultura rentável, é fundamental para o sucesso com a cultura do mamoeiro. Neste sentido, estudos relacionados com a maturidade do fruto, quebra de dormência e qualidade fisiológica das sementes são de grande importância para os produtores de frutos e sementes. Assim, estudou-se a germinação e o vigor de plântulas de sementes de mamoeiro do grupo Formosa, híbrido Tainung 01, em função do estádio de maturação do fruto (“de vez” e maduro), e a imersão de sementes em concentrações crescentes de ácido giberélico - GA3 (0 mg L-1, 250 mg L-1, 500 mg L-1 e 1.000 mg L-1). Adotou-se o delineamento inteiramente casualizado, no esquema fatorial 2x4, com quatro repetições. Verificaram-se efeitos significativos da interação entre fatores estudados, para todas as variáveis avaliadas. As sementes, independentemente do estádio de maturação dos frutos, não germinaram na ausência de GA3. Sementes oriundas de frutos “de vez” apresentaram maiores percentagens de germinação que sementes obtidas de frutos maduros, quando embebidas em soluções de 250 mg L-1 e 500 mg L-1 de GA3.. Nas sementes tratadas com 1.000 mg L-1 de GA3, o maior percentual de germinação das sementes foi verificado nas sementes obtidas de frutos maduros. Os resultados permitiram concluir que frutos no estádio “de vez” foram mais apropriados para retiradas de sementes, para formação de mudas, e que a imersão de sementes de frutos “de vez” em solução de 500 mg L-1 de GA3 e imersão de sementes de frutos maduros em 1.000 mg L-1 de GA3 promoveram uma melhor germinação, propiciando obtenção de plântulas com maior vigor.

PALAVRAS-CHAVE: Carica papaya; propagação; vigor de plântulas; regulador de crescimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Wagner Pereira Lopes, FESURV

 

 

 

Downloads

Publicado

15-10-2009

Como Citar

LOPES, A. W. P.; SELEGUINI, A.; BOLIANI, A. C.; CORRÊA, L. de S. ESTÁDIO DE MATURAÇÃO DO FRUTO E USO DO ÁCIDO GIBERÉLICO NA GERMINAÇÃO DE SEMENTES DE MAMOEIRO. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 39, n. 4, p. 278–284, 2009. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/5763. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico