QUALIDADE FISIOLÓGICA E SANITÁRIA DE SEMENTES DE MAMONA SUBMETIDAS A DIFERENTES TRATAMENTOS QUÍMICOS

Autores

  • Leandro Tropaldi UEMS
  • Jaine Aparecida de Camargo UEMS
  • Ronny Clayton Smarsi UEMS
  • Stela Maris Kulczynski UFSM
  • Cristina Gonçalves de Mendonça UFPR
  • Manoel Murilo Macedo Barbosa UEMS

Palavras-chave:

Ricinus communis L., patógenos de sementes, carbendazim, carboxim, thiram

Resumo

O tratamento de sementes com fungicidas tornou-se medida indispensável no controle de patógenos. Entretanto, a eficácia de muitos produtos ainda não é bem conhecida para algumas culturas. Este trabalho teve por objetivo avaliar o efeito de diferentes doses dos fungicidas carbendazim e carboxim + thiram no controle de patógenos e sua interferência sobre a qualidade fisiológica em sementes de mamona. O ensaio foi constituído dos seguintes tratamentos (gramas do ingrediente ativo por 100 kg de sementes): carbendazim (15, 30 e 60), carboxim + thiram (25 + 25, 50 + 50, 100 + 100), formoldeído 0,15% (v/v) e testemunha (água destilada). A qualidade fisiológica das sementes foi determinada pela germinação, primeira contagem, emergência a campo, índice de velocidade de emergência (IVE), número de folhas, comprimento, massa verde e seca da parte aérea e condutividade elétrica. Não houve diferenças estatísticas entre os tratamentos, nas avaliações de germinação, IVE, número de folhas, comprimento, massa verde e seca da parte aérea. O tratamento com formoldeído, se comparado aos demais, proporcionou menores médias (p < 0,05) para a primeira contagem e emergência a campo. Sementes tratadas com fungicidas apresentaram maior condutividade elétrica. Os fungos identificados foram Cladosporium spp.; Bipolaris spp.; Curvularia spp.; Aspergillus flavus; Aspergillus niger; Rhizopus sp.; Penicillium sp.; Rhizoctonia sp.; Verticillium sp.; Fusarium sp.; Arthrobotrys sp.; e Epicocum sp. Os produtos testados, independentemente das doses, promoveram eficiente controle dos patógenos.

PALAVRAS-CHAVE: Ricinus communis L.; patógenos de sementes; carbendazim; carboxim; thiram.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Tropaldi, UEMS

Acadêmico do curso de Agronomia, Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, UEMS - Unidade de Cassilândia

Jaine Aparecida de Camargo, UEMS

Acadêmica do curso de Agronomia, UEMS - Unidade de Cassilândia

Ronny Clayton Smarsi, UEMS

Acadêmico do curso de Agronomia, UEMS - Unidade de Cassilândia

Stela Maris Kulczynski, UFSM

Prodessora, Drª Universidade Federal de Santa Maria, Campus de Frederico Westphalen. Área de Fitopatologia

Cristina Gonçalves de Mendonça, UFPR

Professora, Drª da Universidade Federal do Paraná. Área de Plantas Daninhas e Tecnologia de Aplicação

Manoel Murilo Macedo Barbosa, UEMS

Acadêmico do curso de Agronomia, UEMS - Unidade de Cassilândia

Downloads

Publicado

31-03-2010

Como Citar

TROPALDI, L.; CAMARGO, J. A. de; SMARSI, R. C.; KULCZYNSKI, S. M.; MENDONÇA, C. G. de; BARBOSA, M. M. M. QUALIDADE FISIOLÓGICA E SANITÁRIA DE SEMENTES DE MAMONA SUBMETIDAS A DIFERENTES TRATAMENTOS QUÍMICOS. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 40, n. 1, p. 89–95, 2010. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/5586. Acesso em: 5 mar. 2024.

Edição

Seção

Produção Vegetal