Doses e modos de aplicação de fósforo em cultivo de repolho

Autores

  • Luiz Otávio Duarte Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (UNESP/FCAV) - Câmpus de Jaboticabal
  • Leonardo Angelo de Aquino Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)
  • Ilídio Augusto Borges Caixeta Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)
  • Felipe Augusto Reis Gonçalves Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)
  • Marcelo Rodrigues dos Reis Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)

Resumo

A eficiência da adubação fosfatada pode ser reduzida pela incorporação do fertilizante ao solo com enxada rotativa, método que é comumente adotado no cultivo de hortaliças. Objetivou-se avaliar a produtividade de repolho e a eficiência de adubação fosfatada, em função de doses e modos de aplicação de P ao solo. Foram conduzidos quatro experimentos [dois com aplicação a lanço (0 kg ha-1, 200 kg ha-1, 400 kg ha-1, 800 kg ha-1 e 1.600 kg ha-1 de P2O5) e dois com aplicação localizada (0 kg ha-1, 80 kg ha-1, 160 kg ha-1, 320 kg ha-1 e 640 kg ha-1 de P2O5, combinados com a presença ou ausência de fosfatagem - aplicação a lanço de 200 kg ha-1 de P2O5)], em dois locais de cultivo [solo de menor (A) e maior (B) disponibilidade de P, ambos de textura muito argilosa]. As doses de 252 kg ha-1 e 284 kg ha-1 de P2O5 foram estimadas para a obtenção da máxima produtividade econômica com a aplicação a lanço nos locais A e B, respectivamente. As melhores doses foram 183 kg ha-1 e 146 kg ha-1 de P2O5 com a aplicação localizada de P sem fosfatagem nos locais A e B, respectivamente. A eficiência de recuperação para a obtenção de 95 % da máxima produtividade foi de 48,9 % e 30,0 % nos locais A e B, respectivamente. Para o P aplicado localizado na ausência de fosfatagem, estes índices foram de 44,6 % e 60,4 % nos locais A e B, respectivamente. Com a fosfatagem, a eficiência de recuperação diminui de forma significativa. A aplicação localizada de P é mais eficiente que a aplicação a lanço no fornecimento de nutrientes e para a produtividade de repolho.

PALAVRAS-CHAVE: Brassica oleracea var. capitata, aplicação localizada de fósforo, adubação fosfatada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luiz Otávio Duarte, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (UNESP/FCAV) - Câmpus de Jaboticabal

Doutorando em Agronomia (Produção Vegetal). Departamento de Produção Vegetal.

Leonardo Angelo de Aquino, Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)

Professor Adjunto IV da UFV-CRP. Instituto de Ciências Agrárias.

Ilídio Augusto Borges Caixeta, Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)

Graduado em Agronomia pela UFV-CRP. Instituto de Ciências Agrárias.

Felipe Augusto Reis Gonçalves, Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)

Mestre em Agronomia (Produção Vegetal) pela UFV-CRP. Instituto de Ciências Agrárias.

Marcelo Rodrigues dos Reis, Universidade Federal de Viçosa - Campus Rio Paranaíba (UFV-CRP)

Professor Adjunto III da UFV-CRP. Instituto de Ciências Agrárias.

Downloads

Publicado

28-06-2019

Como Citar

DUARTE, L. O.; AQUINO, L. A. de; CAIXETA, I. A. B.; GONÇALVES, F. A. R.; REIS, M. R. dos. Doses e modos de aplicação de fósforo em cultivo de repolho. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 49, p. e54191, 2019. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/54191. Acesso em: 21 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigo Científico