OS AGROTÓXICOS NA PRODUÇÃO DE TOMATE DE MESA NA REGIÃO DE GOIANÁPOLIS, GOIÁS

Autores

  • José Souza Reis Filho AGRODEFESA - Agência Goiana de Defesa Agropecuária
  • Joel Orlando Beviláqua Marin Escola de Agronomia - UFG
  • Paulo Marçal Fernandes Escola de Agronomia - UFG

Palavras-chave:

Pragas do tomateiro, manejo integrado de pragas, uso intensivo de agrotóxicos

Resumo

Este trabalho procurou identificar as causas do uso intensivo de agrotóxicos na cultura do tomateiro e possíveis soluções para uma tomaticultura mais sustentável. Técnicas de pesquisa qualitativa (entrevistas semiestruturadas e observação), derivadas da pesquisa sociológica, foram utilizadas para avaliar o uso de agrotóxicos, na região de Goianápolis, Estado de Goiás. Os resultados mostraram que as principais causas do uso intensivo de agrotóxicos são o medo que os agricultores têm de perder suas lavouras, uma vez que o investimento é muito alto, e o fato de que os agrotóxicos representam um seguro contra prejuízos. Acrescenta-se, a esses fatores, a falta de opções de controle de pragas e doenças, resistência dos agricultores em buscar alternativas, carência de assistência técnica, falta de união e cooperação entre os produtores e aceitação inconteste do atual modelo de produção. Um programa de manejo integrado de pragas, com desdobramento para manejo do sistema como um todo, pode ser a âncora para mudanças de atitudes na concepção tecnológica dos produtores. É necessário que seja suscitada a união dos produtores, em busca de soluções a curto prazo.

PALAVRAS-CHAVE: Pragas do tomateiro; manejo integrado de pragas; uso intensivo de agrotóxicos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Souza Reis Filho, AGRODEFESA - Agência Goiana de Defesa Agropecuária

Fiscal estadual agropecuário, coodenador da Unidade de Educação Fitossanitária, da Gerência de Sanidade Vegetal

Joel Orlando Beviláqua Marin, Escola de Agronomia - UFG

Doutor em Sociologia, professor adjunto da Universidade Federal de Goiás

Paulo Marçal Fernandes, Escola de Agronomia - UFG

Doutor em Entomologia, professor titular da Universidade Federal de Goiás

Downloads

Publicado

19-11-2009

Como Citar

REIS FILHO, J. S.; MARIN, J. O. B.; FERNANDES, P. M. OS AGROTÓXICOS NA PRODUÇÃO DE TOMATE DE MESA NA REGIÃO DE GOIANÁPOLIS, GOIÁS. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 39, n. 4, p. 307–316, 2009. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/4947. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico