EFICIÊNCIA DO ENRIQUECIMENTO EM DUPLO ESTÁGIO REALIZADO NOS CALDOS UVM E FRASER E DESEMPENHO DOS ÁGARES LPM E LSAB-CAN PARA A DETECÇÃO DE Listeria spp. EM CARNE DE FRANGO NATURALMENTE CONTAMINADA

Autores

  • Iolanda Aparecida Nunes UFG
  • Oswaldo Durival Rossi Júnior UFG
  • Albenones José de Mesquita UFG
  • César Augusto Garcia UFG

Palavras-chave:

Listeria, caldo de enriquecimento, carne de frango

Resumo

No presente trabalho, avaliou-se o desempenho de dois caldos e dois ágares seletivos para o isolamento de Listeria a partir de carne de frango naturalmente contaminada, adquirida no comércio varejista de Goiânia - GO, no período de janeiro a junho de 1992. A metodologia de isolamento e identificação de Listeria adotada envolveu a utilização de enriquecimento seletivo em estágio duplo nos caldos "University of Vermont" e Fraser e plaqueamento no ágar cloreto de lítio-feniletanol-moxalactam e no ágar base seletivo para Listeria, suplementado com cicloheximide, acriflavina e ácido nalidíxico. Verificou-se o desempenho dos caldos e enriquecimento para Listeria (caldos UVM e Fraser), associados à passagem da cultura por uma solução de hidróxido de potássio a 0,25%, constatando-se que os mesmos se equivaleram estatisticamente (Z= -1,7393<1,96). Por outro lado, o ágar LPM apresentou destacada superioridade frente ao ágar LSAB-CAN em relação ao total de amostras analisadas (Z= 7, 368>Z0,975). O tratamento da cultura com a solução de hidróxido de potássio a 0,25% mostrou ligeira inibição, contribuindo para redução no número de amostras positivas detectadas.

PALAVRAS-CHAVE: Listeria; caldo de enriquecimento; carne de frango.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

14-12-2007

Como Citar

NUNES, I. A.; ROSSI JÚNIOR, O. D.; MESQUITA, A. J. de; GARCIA, C. A. EFICIÊNCIA DO ENRIQUECIMENTO EM DUPLO ESTÁGIO REALIZADO NOS CALDOS UVM E FRASER E DESEMPENHO DOS ÁGARES LPM E LSAB-CAN PARA A DETECÇÃO DE Listeria spp. EM CARNE DE FRANGO NATURALMENTE CONTAMINADA. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 25, n. 2, p. 13–20, 2007. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/2895. Acesso em: 6 fev. 2023.

Edição

Seção

Artigo Científico