EFEITO DO ORGASOL NA CULTURA DE FEIJÃO-DE-VAGEM (Phaseolus vulgaris L.) NA PRESENÇA E NA AUSÊNCIA DE ADUBAÇÃO QUÍMICA

Autores

  • Natan Fontoura da Silva UFG
  • Jácomo Divino Borges UFG

Resumo

O Orgasol, um composto orgânico de origem animal, foi testado em sementes e na cultura do feijão-de-vagem (Phaseolus vulgaris L. cv. Bush Blue Lake), em duas épocas de plantio, na presença e na ausência de adubação química. O Orgasol-S foi empregado nas doses de 0, 1 e 2 ml/litro de água na primeira época de plantio e 0, 3 e 6 ml/litro de água na segunda época. Este composto não influenciou a germinação nem a produção de vagens na cultura estudada.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

04-12-2007

Como Citar

SILVA, N. F. da; BORGES, J. D. EFEITO DO ORGASOL NA CULTURA DE FEIJÃO-DE-VAGEM (Phaseolus vulgaris L.) NA PRESENÇA E NA AUSÊNCIA DE ADUBAÇÃO QUÍMICA. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 21, n. 1, p. 121–126, 2007. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/2608. Acesso em: 24 set. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico