Análise do círculo de contágio da teoria da ação racional e sua adequação à enfermagem

Autores

  • Simone Helena dos Santos Oliveira Universidade Federal da Paraíba, Escola Técnica de Saúde
  • Lorita Marlena Freitag Pagliuca Universidade Federal do Ceará, Departamento de Enfermagem
  • Maria Grasiela Teixeira Barroso niversidade Federal do Ceará, Departamento de Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v9i3.7524

Palavras-chave:

Teorias, Enfermagem, Análise, Modelo, Comportamento.

Resumo

A avaliação de teorias é papel de extrema relevância a ser desempenhado pelas enfermeiras com vistas a poderem tomar decisões respaldadas em estruturas teóricas consistentes e adequadas à realidade vivenciada. A partir de tal entendimento, decidiu-se analisar a Teoria da Ação Racional (TAR) no referente ao círculo de contágio e sua aproximação e possível adequação para o estudo dos fenômenos no âmbito da enfermagem.  Trata-se de um estudo de análise interpretativa da TAR para o qual se utilizou o modelo de avaliação de teorias proposto por Meleis, enfocando  especificamente o círculo de contágio. Procedeu-se à busca de periódicos indexados no LILACS, observando-se as áreas do conhecimento em que os estudos foram desenvolvidos e os enfoques abordados. Os resultados evidenciaram onze estudos nas áreas de psicologia, nutrição e enfermagem, em que a teoria foi usada para pesquisas científicas predominantemente no campo da saúde, como possível instrumento para identificação de fatores que funcionem como determinantes positivos ou negativos de influência na realização de um determinado comportamento. A teoria mostra-se pertinente para tratar fenômenos nos diversos campos de atuação da enfermagem, pois enfoca o comportamento humano, presente em todos os locais onde se pretenda investigar e atuar.

Palavras chave: Teorias; Enfermagem; Análise; Modelo; Comportamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

19/09/2009

Como Citar

1.
Oliveira SH dos S, Pagliuca LMF, Barroso MGT. Análise do círculo de contágio da teoria da ação racional e sua adequação à enfermagem. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 19º de setembro de 2009 [citado 27º de maio de 2022];9(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/7524

Edição

Seção

Artigo de Atualização