O CUIDADO DE ENFERMAGEM AO EGRESSO DA TERAPIA INTENSIVA: REFLEXOS NA PRODUÇÃO CIENTÍFICA NACIONAL DE ENFERMAGEM PEDIÁTRICA NA DÉCADA DE 90.

Autores

  • Flavio Dias da Silva Faculdade de Enfermagem
  • Ivone Evangelista Cabral Faculdade de Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v3i2.726

Resumo

Resumo: A incidência da produção científica nacional de enfermagem sobre o cuidado à criança egressa da terapia intensiva nos anos 90, é o objeto sob investigação . Levantar a incidência desta produção é o objetivo desse estudo quanti-qualitativo, desenvolvido segundo o método descritivo de análise documental. A produção científica nacional reflete a preocupação dos enfermeiros com o cuidar de crianças, seja na internação, ambulatório ou domicílio. Entretanto, revela a invisibilidade da atuação do enfermeiro na atenção à criança no domicílio direcionada para a melhoria das habilidades e competências das famílias em realizar um cuidado tecnológico associado ao habitual.  Palavras- Chave: Enfermagem. Terapia Intensiva. Saúde da Criança

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

21/12/2006

Como Citar

1.
Silva FD da, Cabral IE. O CUIDADO DE ENFERMAGEM AO EGRESSO DA TERAPIA INTENSIVA: REFLEXOS NA PRODUÇÃO CIENTÍFICA NACIONAL DE ENFERMAGEM PEDIÁTRICA NA DÉCADA DE 90. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 21º de dezembro de 2006 [citado 24º de maio de 2022];3(2). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/726

Edição

Seção

Artigo Original