Satisfação pessoal e atividades de lazer em idosos acompanhados ambulatorialmente

Autores

  • Nicoly Marini de Oliveira Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, nicoly.marini@gmail.com. https://orcid.org/0000-0003-4147-3034
  • Danila Cristina Paquier Sala Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, danilapaquiersala@gmail.com. https://orcid.org/0000-0003-3723-6706
  • Marcia Maiumi Fukujima Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, maiumi.unifesp@gmail.com. https://orcid.org/0000-0002-4781-1316
  • Paula Cristina Pereira da Costa Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, paulinhapcosta@hotmail.com. https://orcid.org/0000-0003-2764-3797
  • Aparecida Yoshie Yoshitome Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, ayoshitome29@unifesp.br. https://orcid.org/0000-0001-6374-8743
  • Meiry Fernanda Pinto Okuno Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, São Paulo, Brasil, mf.pinto@unifesp.br. https://orcid.org/0000-0003-4200-1186

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v23.66826

Palavras-chave:

Idoso, Satisfação Pessoal, Atividades de Lazer, Serviços de Saúde para Idosos, Política Pública

Resumo

Objetivo: avaliar a associação da satisfação de vida com a atitude face ao lazer de idosos. Método: Estudo transversal e analítico realizado com 100 idosos. Para relacionar as escalas de Satisfação de Vida e Atitudes Face ao Lazer utilizou-se o coeficiente de correlação de Spearman. Resultados: Quanto maior o escore nos domínios saúde física e saúde mental, da escala de Satisfação com a Vida, maiores os escores no domínio afetivo e total da escala de Atitudes Face ao Lazer. Quanto maior o escore nos domínios capacidade física e envolvimento social, maiores os escores nos domínios afetivo, comportamental e total da escala de Atitudes Face ao Lazer. Conclusão: quanto maior os escores da escala de Satisfação com a Vida, maior os scores da escala de Atitudes Face ao Lazer, o que pode demonstrar que o idoso com mais satisfação com a vida apresenta atitude mais positiva em relação ao lazer.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

24/05/2021

Como Citar

1.
Oliveira NM de, Sala DCP, Fukujima MM, Costa PCP da, Yoshitome AY, Okuno MFP. Satisfação pessoal e atividades de lazer em idosos acompanhados ambulatorialmente. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 24º de maio de 2021 [citado 19º de maio de 2022];23. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/66826

Edição

Seção

Artigo Original