Sistema Único de Saúde: modalidades de atendimento e suas inter-relações, um olhar da enfermagem

Autores

  • José Richard de Sosa Silva Faculdade Atlântico Sul – Anhanguera Educacional – Pelotas/ RS

Palavras-chave:

Sistema Único de Saúde, Enfermagem, Serviços de Saúde.

Resumo

O presente estudo teve como questão pesquisa as modalidades de atendimento das instituições de saúde do SUS e as suas inter-relações. Desta maneira, objetivou-se, identificar as diferentes modalidades de atendimento ao cliente do SUS oferecidas pelas instituições/organizações/serviços de saúde do município do Rio Grande, assim como compreender as relações que mantêm entre si e de que forma se processam as suas inter-relações nos serviços e ações de saúde. Construiu-se um referencial teórico capaz de dar sustentação para o desenvolvimento da pesquisa, na perspectiva da saúde como um sistema, tendo como ponto de referência a teoria de sistemas com abordagem de Bronfenbrenner (1996), dentre outros. Para obter as informações utilizou-se como caminho metodológico a pesquisa qualitativa, descritiva e exploratória. A coleta de dados processou-se através do método da entrevista semi-estruturada, aplicado de agosto a setembro de 2006, a quatorze sujeitos: coordenadores dos diversos serviços de entrada e encaminhamento de clientes do SUS do município do Rio Grande. A última questão da entrevista era aberta, deixando espaço para os entrevistados propor sugestões que julgassem pertinentes. O processo de análise levou em consideração as categorias estabelecidas previamente: modalidades de atendimento, equipe multiprofissional e inter-relações das modalidades de atendimento. Evidenciaram-se na análise e interpretação dos dados as diferentes modalidades de atendimento oferecidas aos usuários do SUS, mostrando que cada uma apresenta peculiaridades próprias e que o desconhecimento de outras, talvez, seja o motivo do não oferecimento, pois as mesmas poderiam auxiliar na oferta de mais ações e serviços para esta clientela, trazendo soluções para a demanda reprimida e diminuindo o custo com a internação hospitalar. Percebeu-se no oferecimento das modalidades de atendimento, a presença constante da equipe multiprofissional como elemento fundamental na execução das ações e serviços, destacando-se a forte participação do profissional enfermeiro. Embora pressupondo, inicialmente, que as instituições/organizações/serviços oferecem as modalidades de forma desarticulada, constatou-se ao longo deste trabalho, que nem sempre acontece dessa maneira. Existe por parte dos trabalhadores das três instituições de saúde um grande empenho para conseguir tanto o encaminhamento do cliente para exames como para a possível internação ou outro atendimento a ser oferecido pelas instituições integrantes do SUS. Evidenciou-se, entretanto, que não existem articulações formais e informatizadas de referência e contra-referência que poderiam facilitar as inter-relações entre os serviços do SUS

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Richard de Sosa Silva, Faculdade Atlântico Sul – Anhanguera Educacional – Pelotas/ RS

Enfermeiro, Mestre em enfermagem.Membro do núcleo de pesquisa GEES – Rio Grande. Professor da Faculdade Atlântico Sul – Anhanguera Educacional – Pelotas/ RS e Professor da Faculdade de Tecnologia SENAC Pelotas/RS. E-mail: richard.sosa@bol.com.br

Downloads

Publicado

04/05/2017

Como Citar

1.
Silva JR de S. Sistema Único de Saúde: modalidades de atendimento e suas inter-relações, um olhar da enfermagem. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 4º de maio de 2017 [citado 27º de maio de 2022];10(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/46718

Edição

Seção

Resumo