Estratégia saúde da família e assistência ao dependente químico: ações conjuntas ou isoladas?

Autores

  • Luiz Felipe Batista Pires Prefeitura de Conselheiro Lafaiete
  • Laiany Gonçalves de Macedo
  • José Arimatéa de Aleluia Júnior
  • Pedro Henrique Batista de Freitas Faculdade Pitágoras
  • Ricardo Bezerra Cavalcante Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu
  • Richardson Miranda Machado Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v18.39177

Palavras-chave:

Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias, Saúde Mental, Estratégia Saúde da Família, Enfermagem Psiquiátrica

Resumo

Esta pesquisa objetivou investigar a assistência integrada ao dependente químico pelo Centro de Atenção Psicossocial e as equipes Saúde da Família de um município de grande porte do Sudeste brasileiro. Trata-se de um estudo do tipo série histórica e descritivo. Dos 825 pacientes, a maioria era do sexo masculino (82,3%), houve predominância da faixa etária entre 41 a 50 anos (56,5%), sendo o transtorno mental e comportamental devido ao uso do álcool, o mais prevalente entre o sexo masculino (38,1%) e o diagnóstico decorrente do uso e abuso de fumo, para o sexo feminino (60,9%). Analisando o atendimento integrado ao dependente químico, a distribuição espacial permitiu verificar que a maioria (57,9%) dos pacientes não foi atendido de forma integrada pelo CAPS e pelas ESFs. Torna-se urgente fortalecer e consolidar a estratégia saúde da família como um ponto de atenção prioritário no cuidado ao dependente químico na rede de atenção psicossocial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luiz Felipe Batista Pires, Prefeitura de Conselheiro Lafaiete

Enfermeiro. Enfermeiro da Estratégia Saúde da Família da Prefeitura de Conselheiro Lafaiete. Conselheiro Lafaiete, MG, Brasil. E-mail: luizfelipebp@gmail.com.

Laiany Gonçalves de Macedo

Enfermeira. Divinópolis, MG, Brasil. E-mail: laygoncalves1@hotmail.com.

José Arimatéa de Aleluia Júnior

Bacharel em Administração. Divinópolis, MG, Brasil. E-mail: ari.federal@gmail.com.

Pedro Henrique Batista de Freitas, Faculdade Pitágoras

Enfermeiro, Mestre em Enfermagem. Professor da Faculdade Pitágoras. Divinópolis, MG, Brasil. E-mail: pedrohbf@yahoo.com.br.

Ricardo Bezerra Cavalcante, Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu

Enfermeiro, Doutor em Ciência da Informação. Professor Titular da Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu. Divinópolis, MG, Brasil. E-mail: ricardocavalcante@ufsj.edu.br.

Richardson Miranda Machado, Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu

Enfermeiro, Doutor em Psiquiatria. Professor Adjunto da Universidade Federal de São João Del-Rei, Campus Centro-Oeste Dona Lindu. Divinópolis, MG, Brasil. E-mail: richardson@usp.br.

Publicado

28/11/2016

Como Citar

1.
Pires LFB, Macedo LG de, Aleluia Júnior JA de, Freitas PHB de, Cavalcante RB, Machado RM. Estratégia saúde da família e assistência ao dependente químico: ações conjuntas ou isoladas?. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 28º de novembro de 2016 [citado 18º de agosto de 2022];18. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/39177

Edição

Seção

Artigo Original