Rede de atenção à mulher em situação de violência: os desafios da transversalidade do cuidado

Autores

  • Angelina Lettiere Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Ana Márcia Spanó Nakano Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v17i4.32977

Palavras-chave:

Violência Contra a Mulher, Saúde da Mulher, Rede Social, Cuidados de Enfermagem

Resumo

Pesquisa qualitativa, cujo objetivo foi compreender, sob a ótica dos profissionais, como se configura a atenção à mulher em situação de violência. Os dados foram coletados por meio de entrevistas com sete informantes-chave e analisados pelo método de interpretação dos sentidos. Na categoria temática central: Sistema autoeco-organizador das instituições identificou-se dois núcleos de sentido: Eixo da atenção e Funcionalidade da instituição. No primeiro, o eixo de atenção foi classificado em assistência psicossocial, assistência à saúde e assistência policial. Na funcionalidade da instituição, evidenciou-se atendimento às mulheres na captação das demandas e encaminhamentos por meio da triagem. Na perspectiva dos profissionais, apesar dos avanços obtidos nos últimos anos, ainda persiste o “desencontro” da rede na atenção às mulheres em situação de violência, o que não contempla o que se concebe por transversalidade da atenção. O estudo apontou subsídios para fortalecimento da rede, a fim de garantir os direitos da mulher.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Angelina Lettiere, Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

Enfermeira, Doutora em Enfermagem em Saúde Pública. Professor Doutor da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo (EERP/USP). Ribeirão Preto, SP, Brasil. E-mail: angelinalettiere@yahoo.com.br.

Ana Márcia Spanó Nakano, Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professor Titular da EERP/USP. Ribeirão Preto, SP, Brasil. E-mail: nakano@eerp.usp.br.

Publicado

31/03/2016

Como Citar

1.
Lettiere A, Nakano AMS. Rede de atenção à mulher em situação de violência: os desafios da transversalidade do cuidado. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 31º de março de 2016 [citado 26º de junho de 2022];17(4). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/32977

Edição

Seção

Artigo Original