Plantas medicinais indicadas para gripes e resfriados no sul do Brasil

Autores

  • Marjoriê da Costa Mendieta Universidade Federal de Pelotas
  • Rita Maria Heck Universidade Federal de Pelotas
  • Silvana Ceolin Universidade Federal de Pelotas
  • Andrieli Daiane Zdanski de Souza Hospital Universitário Mãe de Deus
  • Natália Rosiely Costa Vargas Hospital Universitário São Francisco de Paula
  • Manuelle Arias Piriz Universidade Federal de Pelotas
  • Anelise Miritz Borges

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v17i3.28882

Palavras-chave:

Plantas Medicinais, Sistema Respiratório, Cuidados de Enfermagem

Resumo

Buscou-se conhecer as plantas medicinais utilizadas para gripes e resfriados por agricultores da região Sul do Rio Grande do Sul e compará-las com evidências científicas. Estudo descritivo realizado com 12 moradores agricultores da Ilha dos Marinheiros, no município de Rio Grande, Rio Grande do Sul, Brasil. Utilizou-se a análise descritiva, comparando os resultados com a literatura científica. Foram citadas 13 plantas utilizadas para gripes e resfriados: Achyrocline satureioides, Allium sativum, Cinnamomum zeylanicum, Citrus limon, Citrus reticulata, Citrus sinensis, Gochnatia polymorpha, Illicium verum, Mentha piperita, Mikania sp., Ocimum selloi, Origanum majorana e Verbena sp. Os resultados mostraram que o conhecimento popular vai ao encontro das evidências científicas para a maioria das indicações, visto que 84,6% das plantas citadas estão condizentes com a literatura. Desta maneira, enfatiza-se a riqueza do saber popular, a necessidade de sua valorização e constante aproximação dos profissionais de saúde a este saber, integrado ao científico.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marjoriê da Costa Mendieta, Universidade Federal de Pelotas

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel). Pelotas, RS, Brasil. E-mail: marjo.mendieta@ibest.com.br.

Rita Maria Heck, Universidade Federal de Pelotas

Enfermeira, Doutorado em Enfermagem. Professor Associado da UFPel. Pelotas, RS, Brasil. E-mail: heckpillon@yahoo.com.br.

Silvana Ceolin, Universidade Federal de Pelotas

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da UFPel. Pelotas, RS, Brasil. E-mail: silvana_ceolin@yahoo.com.br.

Andrieli Daiane Zdanski de Souza, Hospital Universitário Mãe de Deus

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Enfermeira do Hospital Universitário Mãe de Deus. Canoas, RS, Brasil. E-mail: andriele_zdanski@hotmail.com.

Natália Rosiely Costa Vargas, Hospital Universitário São Francisco de Paula

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Enfermeira do Hospital Universitário São Francisco de Paula. Pelotas, RS, Brasil. E-mail: nataliarvargas@gmail.com.

Manuelle Arias Piriz, Universidade Federal de Pelotas

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da UFPel. Professor Substituto da UFPel. Pelotas, RS, Brasil. E-mail: manuzinha_piriz@hotmail.com.

Anelise Miritz Borges

Enfermeira, Doutorado em Enfermagem. Santa Cruz do Sul, RS, Brasil. E-mail: miritzenfermeira@yahoo.com.br.

Publicado

07/04/2016

Como Citar

1.
Mendieta M da C, Heck RM, Ceolin S, Souza ADZ de, Vargas NRC, Piriz MA, Borges AM. Plantas medicinais indicadas para gripes e resfriados no sul do Brasil. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 7º de abril de 2016 [citado 23º de maio de 2022];17(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/28882

Edição

Seção

Artigo Original