Qualidade de vida entre obesos mórbidos e pacientes submetidos à cirurgia bariátrica

Autores

  • Lívia Moreira Barros Universidade Federal do Ceará
  • Rosa Aparecida Nogueira Moreira Hospital Municipal de Maracanaú Dr. Elívio Holanda
  • Natasha Marques Frota Universidade Federal do Ceará
  • Thiago Moura de Araújo Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira
  • Joselany Áfio Caetano Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v17i2.27367

Palavras-chave:

Obesidade Mórbida, Cirurgia Bariátrica, Qualidade de Vida, Perda de Peso, Enfermagem Perioperatória

Resumo

Objetivou-se avaliar a Qualidade de Vida (QV) entre os obesos que aguardam a realização da cirurgia bariátrica e pacientes que estão no pós-cirúrgico. Estudo transversal com abordagem quantitativa realizado em um hospital referência em cirurgia bariátrica em Fortaleza-CE. A amostra foi de 64 pacientes do pré-operatório e 92 do pós-operatório. Dados coletados por meio do questionário de QV de Moorehead-Ardelt II do protocolo Bariatric Analisys and Reporting Outcome System (BAROS). A maioria dos indivíduos do período do pré-operatório classificou sua QV como mínima - 57,8% (37), enquanto que, no grupo do pós-operatório, observou-se uma mudança significativa em que 75% (69) dos participantes consideraram que sua QV estava muito boa após a cirurgia (p<0,001). Em ambos os grupos, os aspectos da QV que apresentaram pior avaliação foram: atividade física, interesse sexual e comportamento alimentar. A cirurgia bariátrica representa uma melhora na qualidade de vida dos indivíduos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lívia Moreira Barros, Universidade Federal do Ceará

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da Universidade Federal do Ceará (UFC). Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: livia.moreirab@hotmail.com.

Rosa Aparecida Nogueira Moreira, Hospital Municipal de Maracanaú Dr. Elívio Holanda

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Enfermeira da Unidade de Pediatria do Hospital Municipal de Maracanaú Dr. Elívio Holanda. Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: nogueiramoreira@bol.com.br.

Natasha Marques Frota, Universidade Federal do Ceará

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Doutorado, da UFC. Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: enfanatashafrota@yahoo.com.br.

Thiago Moura de Araújo, Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira

Enfermeiro, Doutor em Enfermagem. Professor Adjunto da Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira. Redenção, CE, Brasil. E-mail: thiagomouraenf@yahoo.com.br.

Joselany Áfio Caetano, Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem

5 Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professor Adjunto da Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem da UFC. Fortaleza, CE, Brasil. E-mail: joselany@ufc.br.

Publicado

30/06/2015

Como Citar

1.
Barros LM, Moreira RAN, Frota NM, Araújo TM de, Caetano J Áfio. Qualidade de vida entre obesos mórbidos e pacientes submetidos à cirurgia bariátrica. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 30º de junho de 2015 [citado 27º de maio de 2022];17(2):312-21. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/27367

Edição

Seção

Artigo Original