Autoavaliação de saúde e doenças crônicas entre enfermeiros de Pelotas/RS

Autores

  • Adrize Rutz Porto Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Escola de Enfermagem
  • Sabrina da Silva Rodrigues
  • Leandro Rauber Joner
  • Patrícia Tuerlinckx Noguez Universidade Federal de Pelotas, Faculdade de Enfermagem
  • Maira Buss Thofehrn Universidade Federal de Pelotas, Faculdade de Enfermagem
  • Daiane Dal Pai Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Escola de Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v15i3.18008

Palavras-chave:

Qualidade de Vida, Saúde do Trabalhador, Enfermagem

Resumo

RESUMO

Descrever a autoavaliação de saúde e a prevalência de doenças crônicas entre enfermeiros. Estudo transversal, realizado com 240 enfermeiros que responderam a questionário estruturado. Fez-se o tratamento dos dados por meio de estatística descritiva e associações com o teste qui-quadrado. A amostra foi composta por enfermeiros, em sua maioria mulheres (90,8%) adultas jovens (69,6%), não casadas (55,4%) e com filhos (53,4%). Na amostra, 35,4% relataram trabalhar mais de 40h, 40% trabalhavam no período noturno, 31,2% conviviam com doenças crônicas e 37,1% avaliaram sua saúde de razoável a ruim. Obteve-se associação significativa entre doenças crônicas, idade superior a 39 anos (p<0,001) e autoavaliação de razoável a ruim sobre a saúde (p<0,001). Diante dos achados, emerge a necessidade de investimentos na assistência à saúde dos enfermeiros, principalmente no que tange ao convívio com doenças crônicas, o que, por conseguinte, influenciará na autoavaliação da saúde desses profissionais e no cuidado prestado.

Descritores: Qualidade de Vida; Saúde do Trabalhador; Enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adrize Rutz Porto, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Escola de Enfermagem

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Discente do Programa de Pós-Graudação em Enfermagem, nível Doutorado, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, RS, Brasil. E-mail: adrizeporto@gmail.com.

Sabrina da Silva Rodrigues

Enfermeira. Porto Alegre, RS, Brasil. E-mail: sabrinasrod@hotmail.com.

Leandro Rauber Joner

Enfermeiro. Porto Alegre, RS, Brasil. E-mail: canigia.joner@hotmail.com.

Patrícia Tuerlinckx Noguez, Universidade Federal de Pelotas, Faculdade de Enfermagem

Enfermeira, Mestre em Enfermagem. Professora Assistente da Faculdade de Enfermagem (FEn) Universdidade Federal de Pelotas (UFPEL). Pelotas, RS, Brasil. E-mail: patriciatuer@gmail.com.

Maira Buss Thofehrn, Universidade Federal de Pelotas, Faculdade de Enfermagem

Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da FEn/UPEL. Pelotas, RS, Brasil. E-mail: mairabusst@hotmail.com.

Daiane Dal Pai, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Escola de Enfermagem

Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta da Escola de Enfermagem/UFRGS. Porto Alegre, RS, Brasil. E-mail: daiadalpai@yahoo.com.br.

Downloads

Publicado

30/09/2013

Como Citar

1.
Porto AR, Rodrigues S da S, Joner LR, Noguez PT, Thofehrn MB, Dal Pai D. Autoavaliação de saúde e doenças crônicas entre enfermeiros de Pelotas/RS. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 30º de setembro de 2013 [citado 2º de dezembro de 2022];15(3):761-9. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/18008

Edição

Seção

Artigo Original