Reflexos da formação acadêmica na percepção do morrer e da morte por enfermeiros

Autores

  • Márcia Gabriela Rodrigues de Lima Universidade Federal de Santa Maria
  • Elisabeta Albertina Nietsche Universidade Federal de Santa Maria
  • Joice Ane Teixeira Universidade Federal de Santa Maria

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v14i1.14173

Palavras-chave:

Educação, Morte, Enfermagem

Resumo

RESUMO

O objetivo deste estudo foi compreender como os enfermeiros de uma Unidade de Clínica Médica percebem o processo de morrer e morte, e se essa temática foi trabalhada durante a academia. Trata-se de um estudo de campo descritivo-exploratório de abordagem qualitativa, realizado em um Hospital Escola no Rio Grande do Sul entre fevereiro e junho de 2010. Os sujeitos envolvidos foram sete enfermeiros que trabalhavam na Unidade. Para coleta de dados utilizou-se a entrevista semiestruturada e para análise dos dados, a avaliação do conteúdo. Os enfermeiros percebem o processo de morrer e morte como processo vital que fomenta sentimentos de impotência e medo, tanto no período acadêmico quanto no exercício profissional. Em conclusão, deve haver maior incremento em disciplinas curriculares para auxiliá-los no cuidado ao paciente em processo de morrer e morte, considerando que receberam pouca ou nenhuma preparação sobre essa temática.

Descritores: Educação; Morte; Enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcia Gabriela Rodrigues de Lima, Universidade Federal de Santa Maria

Enfermeira, Discente do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem – nível Mestrado, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). Santa Maria, RS, Brasil. E-mail: marciagabyzinha@hotmail.com.

Elisabeta Albertina Nietsche, Universidade Federal de Santa Maria

Enfermeira, Doutora em Enfermagem, Professora Associada III, UFSM. Santa Maria, RS, Brasil. E-mail: enitsch@terra.com.br.

Joice Ane Teixeira, Universidade Federal de Santa Maria

Acadêmico do curso de Graduação em Enfermagem, UFSM. Santa Maria, RS, Brasil. E-mail: anetxra@gmail.com.br.

Downloads

Publicado

31/03/2012

Como Citar

1.
Lima MGR de, Nietsche EA, Teixeira JA. Reflexos da formação acadêmica na percepção do morrer e da morte por enfermeiros. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 31º de março de 2012 [citado 24º de maio de 2022];14(1):181-8. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/14173

Edição

Seção

Artigo Original