Organização e trabalho: padrões de comprometimento dos profissionais que atuam na estratégia saúde da família

Autores

  • Elizabeth Navas Sanches Universidade do Vale do Itajaí
  • Elisete Navas Sanches Próspero Universidade do Vale do Itajaí
  • Henri Stuker Universidade do Vale do Itajaí
  • Moacir César de Borba Júnior Universidade do Vale do Itajaí

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v12i2.10356

Palavras-chave:

Lealdade ao trabalho, Trabalho, Programa Saúde da Família, Pessoal de Saúde.

Resumo

Compreender os vínculos com o trabalho e a organização empregadora, além de apontar as implicações para a estruturação do indivíduo, seu desenvolvimento e seu comportamento, estão entre os desafios nesta área do conhecimento. Este estudo investigou o comprometimento com a organização e o trabalho dos profissionais da Estratégia de Saúde da Família em uma Gerência Regional de Saúde em Santa Catarina entre 2005 e 2007. Objetivou identificar os padrões de comprometimento com a organização e o trabalho desenvolvido e explorar os fatores explicativos para os padrões de compromisso encontrados. A população, composta de médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem e odontólogos, totalizou 347 profissionais, com amostra de 252 sujeitos, 72,62% da população. O instrumento englobou variáveis preditoras dos vínculos, além das medidas destes construtos. Os dados processados e analisados possibilitaram distinguir seis padrões: duplamente comprometidos e descomprometidos, comprometidos unilateralmente com a organização e o trabalho, descomprometidos com a organização e o trabalho. Como variáveis explicativas, identificaram-se as organizacionais, como as políticas de recursos humanos e as do trabalho como feedback, expectativas alcançadas, variedade de habilidades, dentre outras, variando segundo os padrões identificados. Foi evidenciada a precarização do trabalho pela associação entre o vínculo empregatício e a díade de comprometimento.

Descritores: Lealdade ao trabalho; Trabalho; Programa Saúde da Família; Pessoal de Saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Elizabeth Navas Sanches, Universidade do Vale do Itajaí

Psicóloga, Doutora em Engenharia de Produção. Professora Adjunto, Universidade do Vale do Itajaí. Itajaí, SC, Brasil.

Elisete Navas Sanches Próspero, Universidade do Vale do Itajaí

Enfermeira, Doutora em Enfermagem. Professor Titular, Universidade do Vale do Itajaí. Itajaí, SC, Brasil.

Henri Stuker, Universidade do Vale do Itajaí

Engenheiro Agrônomo, Doutor em Engenharia de Produção. Professor Titular, Universidade do Vale do Itajaí. Itajaí, SC, Brasil.

Moacir César de Borba Júnior, Universidade do Vale do Itajaí

Universidade do Vale do Itajaí. Itajaí, SC, Brasil.

Downloads

Publicado

05/07/2010

Como Citar

1.
Sanches EN, Próspero ENS, Stuker H, Borba Júnior MC de. Organização e trabalho: padrões de comprometimento dos profissionais que atuam na estratégia saúde da família. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 5º de julho de 2010 [citado 28º de maio de 2022];12(2):294-300. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/10356

Edição

Seção

Artigo Original