AVALIAÇÃO DE SECAS METEOROLÓGICAS POR DETECÇÃO REMOTA NO ARQUIPÉLAGO DO MARAJÓ: UMA INTERPRETAÇÃO ESPACIAL DOS DADOS DA CPC MORPHING TECNIQUE

DROUGHT ASSESSMENTS TROUGH REMOTE SENSING IN THE MARAJÓ ARCHIPELAGO: A SPATIAL DATA INTERPRETATION OF CPC MORPHING TECNIQUE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v39i0.55910

Resumo

A região Amazônica é altamente suscetível a secas severas que ocasionam profundos impactos na dinâmica do regime hidrológico, biodiversidade e socioeconômica. No estudo, é analisado a capacidade do CPC MORPHing tecnique (CMORPH) em diagnosticar eventos de seca no Arquipélago do Marajó, com base em indicadores de extremos climáticos e no índice Standardized Precipitation Index (SPI). Dados do Reanálise (NCEP/NCAR) foram utilizados para identificar os padrões atmosféricos entre os anos de 2004 a 2016. A análise das séries espaciais calculadas sugere que os eventos de seca são fortemente influenciados pelas anomalias positivas do Oceano Pacífico e Atlântico Tropical Norte, causando um déficit pluviométrico. Os índices de precipitação mostram uma redução no acumulado anual úmido (PRCPTOT), com menores e maiores valores no CWD e CDD, respectivamente. Frequências de SPI com categorias de seca moderada (-1.0 a -1.49) e severa (-1.49 a -1.99) são observadas, causando um atraso no fluxo hidrológico. Em resumo, os dados do CMORPH podem ser usados para o monitoramento confiável de secas meteorológicas de curto prazo, já que existem limitações temporais para escalas de tempos maiores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jefferson Inayan de Oliveira Souto, Universidade do Estado do Pará

Discente do Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais, Centro de Ciências Naturais e Tecnologia, Universidade do Estado do Pará.

Norma Ely Santos Beltrão, Universidade do Estado do Pará

Doutora em Economia Agrícola, Docente Permanente do Programa de Pós-graduação em Ciências Ambientais, Centro de Ciências Naturais e Tecnologia, Universidade do Estado do Pará.

Renata Melo e Silva de Oliveira, Universidade do Estado do Pará

Doutora em Engenharia e Gestão Ambiental, Docente Assistente, Centro de Ciências Naturais e Tecnologia, Universidade do Estado do Pará.

Publicado

2019-12-31

Como Citar

SOUTO, J. I. de O.; BELTRÃO, N. E. S.; OLIVEIRA, R. M. e S. de. AVALIAÇÃO DE SECAS METEOROLÓGICAS POR DETECÇÃO REMOTA NO ARQUIPÉLAGO DO MARAJÓ: UMA INTERPRETAÇÃO ESPACIAL DOS DADOS DA CPC MORPHING TECNIQUE: DROUGHT ASSESSMENTS TROUGH REMOTE SENSING IN THE MARAJÓ ARCHIPELAGO: A SPATIAL DATA INTERPRETATION OF CPC MORPHING TECNIQUE. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 39, p. 1–25, 2019. DOI: 10.5216/bgg.v39i0.55910. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/55910. Acesso em: 21 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos