Sedimentos tecnogênicos em planície aluvial em Presidente Prudente?SP

Autores

  • Érika Cristina Nesta Silva Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil, Brasilerikanesta@yahoo.com.br http://orcid.org/0000-0001-8383-8236
  • João Osvaldo Rodrigues Nunes Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, Departamento de Geografia, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil, joaosvaldo@fct.unesp.br http://orcid.org/0000-0003-3924-4056

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v38i2.54615

Resumo

As deposições tecnogênicas apresentam características diferentes conforme o local onde são formadas. Este artigo apresenta contribuições relevantes quanto à interpretação dos materiais sedimentares tecnogênicos, especialmente na fração areia (entre 0,053mm e 2mm), estudados numa área de planície aluvial de Presidente Prudente – SP. Com o objetivo de reconhecer os materiais presentes nas deposições e relacioná-los às prováveis fontes, realizou-se a coleta de amostras, identificação visual dos materiais nos amostradores, análises granulométricas, fracionamentos da fração areia e microscopia ótica. Conforme esses procedimentos, reconheceu-se a presença de fragmentos de queimadas, plásticos, materiais de construção e nódulo carbonático. Esses materiais foram relacionados com o histórico de uso e ocupação e foram observadas as dificuldades de identificação de alguns desses materiais como manufaturados, visto a semelhança visual com fragmentos do embasamento rochoso local (arenitos da Formação Adamantina, Grupo Bauru). Concluise que a presença de fragmentos de carvão em camadas profundas se relaciona às queimadas realizadas durante as primeiras fases de expansão agrícola na região e os materiais manufaturados originam-se da área do loteamento e do antigo depósito de resíduos sólidos domésticos.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Érika Cristina Nesta Silva, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil, Brasilerikanesta@yahoo.com.br

João Osvaldo Rodrigues Nunes, Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências e Tecnologia de Presidente Prudente, Departamento de Geografia, Presidente Prudente, São Paulo, Brasil, joaosvaldo@fct.unesp.br

Publicado

2018-08-25

Como Citar

CRISTINA NESTA SILVA, Érika; OSVALDO RODRIGUES NUNES, J. Sedimentos tecnogênicos em planície aluvial em Presidente Prudente?SP. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 38, n. 2, p. 386–406, 2018. DOI: 10.5216/bgg.v38i2.54615. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/54615. Acesso em: 22 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos