TÉCNICAS DE SENSORIAMENTO REMOTO APLICADAS À BIOGEOGRAFIA: METODOLOGIA GEOGRÁFICA PARA ESPACIALIZAÇÃO DE MOLUSCOS TERRESTRES - DOI 10.5216/bgg.v28i1.4908

Autores

  • Thiago Morato de Carvalho Universidade Federal de Goiás
  • Rina Ramirez Universidad Nacional Mayor de San Marcos, Lima, Perú

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v28i1.4908

Resumo

Este artigo tem como objetivo aplicar algumas técnicas de sensoriamento remoto, como produtos topográficos para interpretação da biogeografia de onze espécies de moluscos terrestres em Lima, Peru. A metodologia consistiu em técnicas de sensoriamento remoto e geoprocessamento para a elaboração de mapas de localização e produtos topográficos, como declividade, hipsometria e perfis topográficos para análises geoespacial.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-10-09

Como Citar

DE CARVALHO, T. M.; RAMIREZ, R. TÉCNICAS DE SENSORIAMENTO REMOTO APLICADAS À BIOGEOGRAFIA: METODOLOGIA GEOGRÁFICA PARA ESPACIALIZAÇÃO DE MOLUSCOS TERRESTRES - DOI 10.5216/bgg.v28i1.4908. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 28, n. 1, p. 157–166, 2008. DOI: 10.5216/bgg.v28i1.4908. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/4908. Acesso em: 22 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos