A REESTRUTURAÇÃO ESPACIAL E A INTERAÇÃO ENTRE LOCAL E O GLOBAL - O EXEMPLO DA SOJA - DOI 10.5216/bgg.v23i1.4729

Autores

  • Dimas M. Peixinho Universidade Federal de Goias
  • Júllia Adão Bernardes Universidade Federal de Goiás
  • Iraci Scopel Universidade Federal de Goiás
  • Nágela Aparecida de Melo Universidade Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v23i1.4729

Resumo

 

Neste artigo fazemos uma análise de como o espaço se (re)estrutura a partir de interações entre o local e o global. Tomamos como ponto de partida que o espaço se articula entre instâncias (local/regional, nacional e global) que guardam entre si uma relativa autonomia, mas que interagem no processo de produção do espaço. Nessa perspectiva, pretendemos valorizar o espaço como categoria analítica da geografia, buscando demonstrar que embora as relações de produção, em diferentes escalas, interajam dentro do processo produtivo, as instâncias guardam particularidades que participam na diferenciação espacial. Por  último, tomamos como exemplo a soja, para mostra

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-09-08

Como Citar

PEIXINHO, D. M.; BERNARDES, J. A.; SCOPEL, I.; APARECIDA DE MELO, N. A REESTRUTURAÇÃO ESPACIAL E A INTERAÇÃO ENTRE LOCAL E O GLOBAL - O EXEMPLO DA SOJA - DOI 10.5216/bgg.v23i1.4729. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 23, n. 1, p. 83–112, 2008. DOI: 10.5216/bgg.v23i1.4729. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/4729. Acesso em: 15 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos