GEOMORFOLOGIA ANTRÓPICA, RISCOS GEOMORFOLÓGICOS E HIDROLÓGICOS NA PORÇÃO CENTRO-LESTE DE ANÁPOLIS (GO) - DOI 10.5216/bgg.v24i1.4134

Autores

  • Andrelisa Santos de Jesus Universidade Federal de Goias

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v24i1.4134

Resumo

 

O objetivo dessa pesquisa é investigar as formas de relevo na porção centro-leste de Anápolis através de etapas de campo e de gabinete, enfatizando as feições de modelado antrópico resultantes do uso do solo e os riscos geomorfológicos e hidrológicos associados. Utiliza-se como unidade básica de análise as microbacias dos Córregos Boa Vista, Água Fria e Divisas. Com respeito à geomorfologia, a área possui um modelado de agradação, composto pela planície de inundação, e um modelado de degradação composto por elevações. O modelado de degradação foi subdividido em topos, planos e convexos, e vertentes. Estas últimas foram subdivididas com base na declividade em vertentes com declividades inferiores a 10%, e vertentes com declividades predominantes no intervalo 10-30%. Estas vertentes mais íngremes ocorrem próximas as drenagens podendo ser caracterizadas como baixas vertentes. As feições de modelado antrópico resultantes da urbanização compreendem cortes, aterros, erosões e assoreamento, que oferecem riscos geomorfológicos, e hidrológicos de deslizamentos e inundação respectivamente. As voçorocas ocorrem em cabeceiras de drenagem, onde as vertentes têm declividades de 10-30% em microbacias impermeabilizadas devido à urbanização. As principais áreas de riscos identificadas coincidem com áreas de habitações subnormais, onde ocorrem inundações e erosão acelerada pluvial e fluvial.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2008-06-30

Como Citar

SANTOS DE JESUS, A. GEOMORFOLOGIA ANTRÓPICA, RISCOS GEOMORFOLÓGICOS E HIDROLÓGICOS NA PORÇÃO CENTRO-LESTE DE ANÁPOLIS (GO) - DOI 10.5216/bgg.v24i1.4134. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 24, n. 1, p. 69–79, 2008. DOI: 10.5216/bgg.v24i1.4134. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/4134. Acesso em: 18 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos