ESPACIALIZAÇÃO E ANÁLISE DE ALGUNS PARÂMETROS REFERENTES À INFRAESTRUTURA, À LOGÍSTICA E À ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS (BR) - DOI 10.5216/bgg.v33i3.27329

Autores

  • Ivair Gomes Universidade Federal de São João del-Rei
  • Eliane Maria Vieira Universidade Federal de Itajubá
  • Thiago Andrade dos Santos Universidade Federal de Minas Gerais

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v33i3.27329

Resumo

O objetivo deste artigo é promover a avaliação da distribuição de alguns indicadores referentes à infraestrutura,ao potencial logístico e à capacidade gerencial dos municípios mineiros, utilizando parâmetros que possamrefletir a organização territorial e infraestrutura, com o objetivo de nortear as ações do poder público e dainiciativa privada em futuros investimentos nas regiões estudadas. Este estudo torna-se relevante devido ànecessidade de se compreenderem as consequências do municipalismo verificado após o fim da ditadura militare com a promulgação da Constituição Federal de 1988 e do Estatuto da Cidade, Lei n° 10.257, de 10 de julho de2001. Os municípios que dispõem de boa capacidade gerencial, estrutura fundiária com menor concentraçãodas terras e adequada infraestrutura tendem a se articular melhor em escalas local, regional, nacional e atéglobal, além de possibilitarem a promoção de um modelo de desenvolvimento que articule as dimensões sociais,ambientais e econômicas. As análises culminaram na confecção de um mapa em que as mesorregiões do Estadoforam agrupadas de acordo com suas características socioeconômicas, socioespaciais e estruturais. O mapamostra que Minas Gerais é um Estado que pode ser dividido em quatro grandes regiões com característicasdistintas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2013-11-13

Como Citar

GOMES, I.; MARIA VIEIRA, E.; ANDRADE DOS SANTOS, T. ESPACIALIZAÇÃO E ANÁLISE DE ALGUNS PARÂMETROS REFERENTES À INFRAESTRUTURA, À LOGÍSTICA E À ORGANIZAÇÃO INSTITUCIONAL DOS MUNICÍPIOS DO ESTADO DE MINAS GERAIS (BR) - DOI 10.5216/bgg.v33i3.27329. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 33, n. 3, p. 373–389, 2013. DOI: 10.5216/bgg.v33i3.27329. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/27329. Acesso em: 24 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos