A secular formação territorial sertaneja das “Terras da Santa” no distrito de Buenolândia, cidade de Goiás/GO

Autores

  • Luciana Helena Alves da Silva Universidade Federal de Goiás, Cidade de Goiás, Goiás, Brasil.
  • Maria Geralda de Almeida Universidade Federal de Goiás, Goiânia, Goiás, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v16i1.70524

Resumo

Apresentamos neste estudo a formação do atual distrito de Buenolândia, na cidade de Goiás/GO, desde seu referencial histórico até a produção socioespacial e simbólica dos seus habitantes, pela abordagem Cultural em Geografia. O objetivo desta discussão dá-se a partir de uma perspectiva histórica que aborda a encarnação das experiências dos habitantes na paisagem do distrito, suas pegadas sobre esse território. Para a metodologia utilizada nessa pesquisa, além do levantamento bibliográfico, também se realizou com a visita a museus, leitura de acervos e cartórios, trabalhos de campo, confecção de mapas, elaboração teórica e sistematização. A estrutura do artigo divide-se em três partes: O Arraial e as Sesmarias como Marco de Ocupação dos Sertões das Minas dos Goyazes, A Freguesia de Nossa Senhora do Rosário da Barra e a Demarcação Político-Jurídica conferindo o Controle Normatizador da Colônia Portuguesa e o Distrito de Buenolândia. Conclui-se refletindo sobre este espaço geográfico, com suas mudanças administrativas que perpassam desde o Arraial, a Freguesia ao Distrito, percorrendo seu ciclo de formação territorial composta e reconhecida até agora.

Palavras-chave: Espaço. Lugar. Território. Toponímia. Geografia Cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2022-04-20

Como Citar

ALVES DA SILVA, L. H.; ALMEIDA, M. G. A secular formação territorial sertaneja das “Terras da Santa” no distrito de Buenolândia, cidade de Goiás/GO. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 16, n. 1, p. 67–85, 2022. DOI: 10.5216/ag.v16i1.70524. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/70524. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos