Diálogos entre Geografia e Ciências Sociais: Região, Regionalidade e América Latina e Caribe

Autores

  • Adalberto de Salles Lima Universidade de Brasília, Brasília, Distrito Federal, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v14i2.58608

Resumo

O presente artigo propõe desenvolver uma reflexão crítica a partir da Geografia e das Ciências Sociais Latino-Americanas, acerca da relação entre dinâmicas regionais e as categorias de análise geográfica e regional América Latina e Caribe. O objetivo é analisar a possível insuficiência do universalismo europeu sobre as nomenclaturas América Latina e Caribe frente a particularidades culturais, territoriais e processos sociais contra-hegemônicos. O método qualitativo norteará a metodologia baseada na interpretação de materiais bibliográficos clássicos e contemporâneos para analisar outras alternativas de regionalização deslocadas do essencialismo econômico, colonial e imperialista da cartografia tradicional. Acreditamos em outras linguagens possíveis de distintas cartografias conforme diferentes regionalizações do continente, baseados em aspectos históricos, críticas teóricas, fluxos migratórios, populações étnico-raciais, distribuição sócioespacial de grupos econômicos e aspectos político-ideológicos.

Palavras-chave: Geografia, Ciências Sociais, Região, América Latina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2020-08-07

Como Citar

LIMA, A. de S. Diálogos entre Geografia e Ciências Sociais: Região, Regionalidade e América Latina e Caribe. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 14, n. 2, p. 298–316, 2020. DOI: 10.5216/ag.v14i2.58608. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/58608. Acesso em: 25 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos