A Cartografia Escolar no processo de ensino-aprendizagem: o Hipermapa e sua utilização na Educação Ambiental em Quevedos/RS

Autores

  • Natália Lampert Batista UFSM
  • Roberto Cassol UFSM
  • Elsbeth Léia Spode Becker Centro Universitário Franciscano

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v11i2.39481

Resumo

Resumo

A Geografia possui como objeto de análise a relação sociedade-natureza e, neste contexto, a temática ambiental é fortemente marcada no seu discurso. Os mapas revelam, então, uma complexa e valiosa linguagem para a compreensão do espaço geográfico. Nesse sentido, o presente estudo teve como objetivo geral contribuir para estudos geográficos de Cartografia Escolar enfatizando problemas ambientais de Quevedos/RS. O método científico utilizado foi o fenomenológico e a forma de abordagem foi qualitativa e descritiva. Com base nos resultados da pesquisa, acredita-se que as práticas vinculadas ao entendimento ambiental local, como a construção de mapas mentais, a utilização de materiais de ensino voltados ao município (Hipermapa) e a reflexão sistematizada e escrita sobre a sua realidade ambiental contribuem para o entendimento do espaço e das verdades temporárias sobre o “mundo” de modo articulado, inter-relacional e sistêmico, permitindo um pensar mais reflexivo e despertando o sentimento de pertencimento e de identidade dos educandos.

Palavras-chave: Estudo do lugar. Espaço vivido. Pertencimento.

 

Abstract

Geography studies the relationship between society and nature, and as a consequence environmental issues have been reinforced by its findings. Therefore, maps are seen as a complex and valuable means for the understanding of geographical areas. This study aimed to contribute to the geographical research regarding School Cartography by drawing attention to environmental problems in the municipality of Quevedos/RS. It consisted of a phenomenological research study which combined qualitative and quantitative approaches. Based on the results, it is believed that the practices linked to the local environmental understanding, such as the construction of mental maps, the use of teaching materials related to the municipality (Hypermap), and the written systematic thinking about its environmental reality contribute to the understanding of geographical space and temporary truths about the ‘world’ in a pivotal, interrelated and systemic way. This allows the students to think more thoughtfully, thus developing a sense of belonging and identity.

Keywords: The study of the area. Living space. Belonging

 

Resumen

Geografía tiene como objeto de análisis de la relación entre la sociedad y la naturaleza, y en este contexto, la cuestión ambiental está fuertemente marcada en su discurso. Los mapas revelan, pues, un lenguaje complejo y valioso para la comprensión del espacio geográfico. En este sentido, el presente estudio tuvo como objetivo contribuir a los estudios geográficos de Cartografía de la Escuela enfatizando problemas ambientales en Quevedos/RS. El método científico utilizado fue fenomenológico y la forma de abordar fue cualitativa y descriptiva. Con base en los resultados, se cree que las prácticas vinculadas a la comprensión del medio ambiente local, ya que la construcción de mapas mentales, el uso de materiales didácticos dirigidos a la municipalidad (Hipermapa) y la reflexión sistemática y escribir sobre su realidad ambiental contribuyen para la comprensión del espacio y verdades temporales sobre el "mundo" de una manera articulada, inter-relacional y sistémica, lo que permite un pensar más reflexivo y despertar el sentimiento de pertenencia y la identidad de los estudiantes.

Palabras clave: Lugar de estudio. Espacio vivido. La pertenencia.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Natália Lampert Batista, UFSM

Graduada em Geografia pelo Centro Universitário Franciscano, Mestre e Doutoranda em Geografia pela Universidade Federal de Santa Maria.

Roberto Cassol, UFSM

Professor Doutor do Departamento de Geografia da Universidade Federal de Santa Maria.

Elsbeth Léia Spode Becker, Centro Universitário Franciscano

Professora Doutora no curso de Geografia do Centro Universitário Franciscano.

Downloads

Publicado

2017-11-03

Como Citar

BATISTA, N. L.; CASSOL, R.; BECKER, E. L. S. A Cartografia Escolar no processo de ensino-aprendizagem: o Hipermapa e sua utilização na Educação Ambiental em Quevedos/RS. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 11, n. 2, p. 51–75, 2017. DOI: 10.5216/ag.v11i2.39481. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/39481. Acesso em: 15 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos