Vulnerabilidade socioambiental em bacias hidrográficas no Setor Leste Metropolitano de Fortaleza, Ceará

Autores

  • Emanuel Lindemberg Silva Albuquerque Professor Adjunto I do Curso de Geografia da Universidade Federal do Piauí - UFPI.
  • Cleyber Nascimento de Medeiros Analista de Políticas Públicas do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará - IPECE

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v11i1.39018

Resumo

Resumo

Ao considerar que as inovações geotecnológicas vêm potencializando novos estudos na contemporaneidade, constata-se que os preceitos da geoinformação possuem uma aplicação efetiva na abordagem de bacias hidrográficas. Dessa forma, o estudo em pauta objetiva mapear a vulnerabilidade socioambiental nas bacias hidrográficas costeiras dos rios Catú, Caburé, Caponga Funda, Caponga Roseira e Mal Cozinhado, localizadas no setor leste da Região Metropolitana de Fortaleza, estado do Ceará. A fundamentação teórico-metodológica encontra-se nos estudos sistêmicos, baseada no viés da concepção indissociável entre natureza e sociedade. O Índice de Vulnerabilidade Socioambiental foi estruturado a partir da análise integrada das condições ecodinâmicas (Vulnerabilidade Ambiental), em conjunto com a Vulnerabilidade Socioeconômica (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal). Os resultados alcançados no estudo retratam que 82,27% da área é classificada na faixa de baixa ou média-baixa Vulnerabilidade Socioambiental e 17,73% encontram-se na faixa de média-alta ou alta Vulnerabilidade. Conclui-se que na área em epígrafe há uma intensa pressão antropogênica sobre os sistemas ambientais, com destaque especial para as planícies fluviais, lacustres e litorânea.

Palavras-chave: Sistema Ambiental, Geotecnologias, Urbanização.

 

Abstract

When considering the geotecnology innovations come enhancing new studies in contemporary times, It notes that the geoinformation of precepts have an effective application in addressing watershed. Thus, the study aims to map the socio-environmental vulnerability in coastal watersheds of rivers Catú, Cabure, Caponga Funda, Caponga Roseira and Mal Cozinhado, located in the eastern sector of the metropolitan area of Fortaleza, state of Ceara. The theoretical-methodological foundation lies in the systemic studies, based on the bias of the indivisible conception of nature and society. The Environmental Vulnerability Index was structured from the integrated analysis of the ecodynamics conditions (Environmental Vulnerability), together with the Socio-Economic Vulnerability (Municipal Human Development Index). The results achieved in this study portray that 82.27% of the area is classified in the low zone or medium-low Environmental Vulnerability and 17.73% are in the medium-high or high vulnerability zone. We conclude that in the area referred is very intense the anthropogenic pressure on environmental systems, with special emphasis on the river, lake and coastal plains.

Keywords: Environmental System, Geotecnology Urbanization.

  

Resumem

Al considerar que las innovaciones geotecnológicas intensifican los nuevos estudios en la época contemporánea, se constata que los preceptos de la geoinformación tienen una aplicación efectiva en el abordaje de las cuencas hidrográficas. Así, el estudio apunta a mapear la vulnerabilidad socio-ambiental en las cuencas costeras de los ríos Catú, Caburé, Caponga Funda, Caponga Roseira y Mal Cozinhado, ubicadas en el sector oriental de la zona metropolitana de Fortaleza, estado de Ceará. El fundamento teórico-metodológico se encuentra en los estudios sistémicos, basado en el sesgo de la concepción indivisible de la naturaleza y la sociedad. El Índice de Vulnerabilidad Ambiental se estructuró a partir del análisis integrada de las condiciones ecodinâmicas (Vulnerabilidad Ambiental), junto con la Vulnerabilidad Socioeconómica (Índice de Desarrollo Humano Municipal). Los resultados obtenidos en este estudio retractan que 82,27% de la superficie se clasifica en el zona bajo o medio-bajo Vulnerabilidad Ambiental y 17,73% están en la zona de vulnerabilidad media-alta o alta. Llegamos a la conclusión de que en el ámbito mencionado anteriormente hay una intensa presión antropogénica sobre los sistemas ambientales, con especial énfasis en el río, el lago y las llanuras costeras.

Palabras clave: Sistema Ambiental, Geotecnológicas, Urbanización.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Emanuel Lindemberg Silva Albuquerque, Professor Adjunto I do Curso de Geografia da Universidade Federal do Piauí - UFPI.

Doutor em Geografia. Mestre em Geografia, Especialista em Geoprocessamento e Geógrafo pela Universidade Estadual do Ceará - UECE.

Cleyber Nascimento de Medeiros, Analista de Políticas Públicas do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará - IPECE

Doutor em Geografia pelo Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Estadual do Ceará - UECE. Mestre em Geociências e Estatístico pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte - UFRN.

Downloads

Publicado

2017-06-05

Como Citar

LINDEMBERG SILVA ALBUQUERQUE, E.; NASCIMENTO DE MEDEIROS, C. Vulnerabilidade socioambiental em bacias hidrográficas no Setor Leste Metropolitano de Fortaleza, Ceará. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 11, n. 1, p. 109–126, 2017. DOI: 10.5216/ag.v11i1.39018. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/39018. Acesso em: 14 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos