A metrópole e a região na Amazônia: uma análise da centralidade de Belém - DOI 10.5216/ag.v9i1.22674

Autores

  • Márcio Douglas Brito Amaral Universidade Federal do Pará (UFPA)
  • Thiago Alan Guedes Sabino Universidade Federal do Pará

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v9i1.22674

Resumo

Resumo

Este trabalho tem como objetivo analisar a relação entre metrópole e região na Amazônia a partir do entendimento da rede de abastecimento e distribuição da Central de Abastecimento do Pará, a CEASA em Belém. Procura-se sustentar que, por mais que a metrópole seja vista como um centro urbano relacional, não se pode desprezar o fato de que ela ainda desempenha funções tradicionais, especialmente no que se refere à mediação de fluxos de mercadorias produzidas, na grande maioria, em outras regiões do país. Não se trata simplesmente de concebê-la como um entreposto, mas de sugerir a necessidade de pensar a acumulação no processo de circulação como parte do processo geral de produção da mercadoria. Dentre os principais resultados do trabalho podemos destacar: 1. Identificou-se como principal rede de abastecimento da CEASA de Belém em primeiro lugar, o próprio Estado do Pará, com destaque para a região do nordeste paraense; em segundo lugar, a região do vale do rio São Francisco, especialmente os estados de Pernambuco e Bahia; em terceiro lugar, o Estado de São Paulo, destacando os fluxos intermediados pela Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP); e, por fim, os fluxos provenientes dos Estados de Goiás e Minas Gerais. 2. Demonstrou-se como principal rede de distribuição da CEASA de Belém as regiões do nordeste paraense, o arquipélago do Marajó e o baixo Amazonas, o Estado do Amapá, o Oeste do Estado do Maranhão e Manaus, capital do Estado do Amazonas.

Palavras-chave: Metrópole, região, rede de distribuição e abastecimento, Amazônia, Belém.

 

Resumen

Este estudio tiene como objetivo analizar la relación existente entre la metrópolis y la región en la Amazonia  basado en la comprensión de la red de suministro y distribución de la Central de Abastecimiento do Pará, CEASA en Belém. Se busca sostener que, a pesar de que la metrópolis sea vista como un centro urbano relacional, no se puede ignorar que ella sigue desempeñando funciones tradicionales, sobre todo en los flujos de mediación de los bienes producidos, en la gran mayoría, en otras regiones del país. No es simplemente concebirla como un almacén, pero sugerir la necesidad de pensar en la acumulación en el proceso de circulación como parte del proceso general de producción de bienes. Entre los principales resultados de la investigación se destacan: 1. Se identificó como principal red de suministro de CEASA de Belém, en primer lugar, el estado de Pará con destaque para la región noreste del estado; en segundo lugar, la región del Valle del Río São Francisco, especialmente, los estados de Pernambuco y Bahia; y, en tercer lugar, el estado de São Paulo, destacando los flujos intermediados por la Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP); y los estados de Goiás y Minas Gerais; 2. Se expuso como principal red de distribución de CEASA de Belém las regiones del noreste de Pará, el archipiélago de Marajó y el Baixo Amazonas, además el estado de Amapá, el oeste del estado de Maranhão y Manaus, la capital del estado de Amazonas.

Palabras clave: Metropolis, región, red de suministro y distribución de CEASA, Amazonia, Belém.

 

Abstract

This study aims to analyze the relationship between metropolis and region in Amazon based on the understanding of the supply and distribution processes in regard to `Vegetables and Fruits Warehouse (CEASA) of the State of Para located in Belem city as a network node. It is argued that even though the metropolis is seen as a relational urban center, one cannot disregard the fact that it still performs traditional functions, especially mediating good flows mostly produced in other regions of the country. It is not simply realized as a warehouse, but, the need for thinking of it over the accumulation process in the overall circulation of goods. The main outcomes of this study are highlighted as follows. In regard to the supply sources for the Ceasa, in Belem, it was identified that the northeastern region of Para State has been by far the most prominent supplier for the CEASA network; secondly, followed by Para state the Valley of Sao Francisco River, specially Pernambuco and Bahia states; thirdly, São Paulo state, with goods circulation being negotiated by the Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP); fourthly, Goias and Minas Gerais states were found as last but not least as a key suppliers.  In regard to Belem city as `goods distributor` in the network through the CEASA system, it was identified to five main receiving areas as sequentially follows: the archipelago of Marajo and Baixo Amazonas, Amapá state, the west region of Maranhao state, and Manaus the capital of Amazonas state.

Keywords: Metropolis, region, supply and distribution network of CEASA, Amazonia, Belem.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcio Douglas Brito Amaral, Universidade Federal do Pará (UFPA)

Professor Adjunto da Faculdade de Geografia e Cartografia da UFPA - Geografia Urbana

Downloads

Publicado

2014-07-14

Como Citar

AMARAL, M. D. B.; SABINO, T. A. G. A metrópole e a região na Amazônia: uma análise da centralidade de Belém - DOI 10.5216/ag.v9i1.22674. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 9, n. 1, p. 138–162, 2014. DOI: 10.5216/ag.v9i1.22674. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/22674. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos