Políticas de desenvolvimento territorial e cultural no território de identidade de Vitória da Conquista: uma análise geográfica da lógica de localização de projetos e recursos - DOI 10.5216/ag.v5i3.16983

Autores

  • Júlia Monteiro UFBA
  • Angelo Serpa UFBA

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v5i3.16983

Resumo

A Bahia é regionalizada em 2007 por Territórios de Identidade, uma proposta de divisão regional que procura abarcar o sentimento de pertencimento e de identidade dos moradores de cada região. Nesse artigo buscamos analisar como tal processo de regionalização ocorreu, focados na implementação das políticas de desenvolvimento territorial e cultural nos territórios de identidade e sua articulação com as diferentes escalas políticas (estadual, regional e municipal), reconhecendo a sabedoria popular e o saber fazer como fontes de pesquisa. Este trabalho procura dar voz aos agentes culturais e aos dirigentes municipais de cultura, assim como aos formuladores das políticas analisadas no âmbito das secretarias estaduais, analisando como estudo de caso o Território de Vitória da Conquista. Foram realizados levantamentos bibliográficos e de dados secundários em bibliotecas, arquivos de jornais e sites de órgãos públicos. Entrevistas foram realizadas durante duas saídas de campo para os municípios de Vitória da Conquista, Poções e Barra do Choça. Conclui-se que os atuais processos de regionalização e de implementação de políticas culturais suscitam diferentes opiniões entre os agentes envolvidos, o que é positivo, fortalecendo e provocando mudanças no processo. Desse modo, o Território de Vitoria da Conquista se afirma e se contradiz na medida em que os agentes tomam consciência de suas funções e suas identidades, o fortalecimento da cultura regional se dando para além das políticas públicas, com aatuação da sociedade e dos artistas que valorizam e mantêm a cultura viva.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-01-27

Como Citar

MONTEIRO, J.; SERPA, A. Políticas de desenvolvimento territorial e cultural no território de identidade de Vitória da Conquista: uma análise geográfica da lógica de localização de projetos e recursos - DOI 10.5216/ag.v5i3.16983. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 5, n. 3, p. 150–171, 2012. DOI: 10.5216/ag.v5i3.16983. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/16983. Acesso em: 22 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos