ALGUMAS RELAÇÕES ENTRE A ARTE CONCRETA E O VÍDEO

O ATO PROJETIVO COMO DISPOSITIVO SEMÂNTICO NA CENA

Autores

  • João Carlos Machado Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.5216/ac.v4i2.54637

Resumo

O texto trata de aspectos da cenografia e da presença do vídeo na encenação, buscando alguns parâmetros para propor a utilização significante do ato projetivo na cena, e considerando conceitos ligados à arte e ao teatro concreto colocados por Hans Thies Lehmann e por artistas das vanguardas históricas da primeira metade do século XX. Voltado para uma abordagem do pensamento do fazer artístico, a parir das experiências e pesquisas do autor, traz noções como a imaginação material, a partir de Gaston Bachelard, e de operatividade, conceito proposto pelo próprio autor, aproximando-as de colocações específicas do campo do vídeo levantadas por Phillipe Dubois e outros autores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

João Carlos Machado, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Chico Machado (João Carlos Machado) é artista plástico e professor. Nascido em Santo Ângelo/RS (1964), reside a trabalha em Porto alegre/RS. Possui Bacharelado em Pintura (1990) e em Desenho (1992) pelo Instituto de Artes da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Especialização em Teoria do Teatro Contemporâneo (2000), Mestrado (2005) e Doutorado em Poéticas Visuais (2012), na mesma universidade, e realiza exposições individuais e coletivas desde 1991, tendo obtido diversos prêmios nesta e em outras áreas. Foi professor nos cursos de artes visuais na UERGS (2002 a 2007) e na UFPEL (2008 a 2014). Atualmente é professor adjunto do Departamento de Arte Dramática do IA/UFRGS. Além da sua atuação nas artes visuais com a produção de objetos, performances e vídeos, é atuante também nas áreas da música e do teatro. Pesquisador (CNPq) com diversos textos e artigos publicados em revistas e periódicos nacionais e internacionais.

Downloads

Publicado

2018-12-31

Como Citar

MACHADO, J. C. ALGUMAS RELAÇÕES ENTRE A ARTE CONCRETA E O VÍDEO: O ATO PROJETIVO COMO DISPOSITIVO SEMÂNTICO NA CENA. Arte da Cena (Art on Stage), Goiânia, v. 4, n. 2, 2018. DOI: 10.5216/ac.v4i2.54637. Disponível em: https://revistas.ufg.br/artce/article/view/54637. Acesso em: 23 maio. 2024.