Como e porque investigar o livro didático para o ensino de artes visuais - DOI 10.5216/vis.v6i1eI2.18084

Autores

  • Irene Tourinho
  • Gisele Costa

DOI:

https://doi.org/10.5216/vis.v6i1ei2.18084

Resumo

Este trabalho apresenta a trajetória construída para a realização de uma análise dialogada/pesquisa cujo objeto é o livro didático (LD) de artes visuais. Com o intuito de levantar questões sobre as formas como o conhecimento (texto e imagem) em arte é apresentado, organizado e seqüenciado neste suporte educacional, este estudo se debruça sobre percepções, interpretações e reações dos alunos ao livro didático. O livro didático é, assim, entendido como um artefato cultural que delimita e transfigura nossas relações com o mundo simbólico e cultural. Após breve discussão sobre questões conceituais e características do livro didático, apresentamos e discutimos alguns procedimentos desenvolvidos no processo desta pesquisa visando descrever e analisar as interações dos alunos com o LD.

Palavras-chave: Livro didático, artes visuais, pesquisa dialogada

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-04-18

Como Citar

TOURINHO, I.; COSTA, G. Como e porque investigar o livro didático para o ensino de artes visuais - DOI 10.5216/vis.v6i1eI2.18084. Visualidades, Goiânia, v. 6, n. 1 e 2, 2012. DOI: 10.5216/vis.v6i1ei2.18084. Disponível em: https://revistas.ufg.br/VISUAL/article/view/18084. Acesso em: 18 abr. 2024.

Edição

Seção

GT3 - Culturas da imagem e processos de mediação