[1]
A. A. Assis e S. Da Mata, “POR UMA HERMENÊUTICA HISTORIOGRAFICAMENTE ORIENTADA: ENTREVISTA COM GUNTER SCHOLTZ”, rth, vol. 14, nº 2, p. 269–283, dez. 2015.