DIFICULDADES E SOLUÇÕES NA IMPLANTAÇÃO DA NORMA DE DESEMPENHO EM UMA EMPRESA CONSTRUTORA GOIANA

Autores

  • Tatiana Gondim do Amaral Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil https://orcid.org/0000-0002-9746-4025
  • Marcelo Fabiano Costella Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), Chapecó, Santa Catarina, Brasil
  • Lahuana Oliveira de Souza Marques Rodrigues da Cunha Construtora e Incorporadora, Goiânia, Goiás, Brasil
  • Fausto Carraro Contruflix, Goiânia, Goiás, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.5216/reec.v18i2.68120

Palavras-chave:

Norma de desempenho, Sistema de Gestão da Qualidade, Construção civil, Processo de projeto

Resumo

RESUMO: O setor da construção civil vem passando por um período de adaptação à norma de desempenho. A presente pesquisa tem como objetivo avaliar qualitativamente a implantação da norma de desempenho em uma incorporadora e construtora de Goiânia. Foram analisados os métodos de controle empregados pela empresa durante o período de 2015 a 2020 com o intuito de descrever os mecanismos utilizados neste processo para a contratação de projetistas, análise de projetos, ensaios realizados na fase de planejamento do empreendimento até a sua conclusão, métodos executivos e melhorias em seu Sistema de Gestão da Qualidade. Dessa forma, o trabalho contribuiu com a discussão sobre as particularidades da implantação da norma de desempenho no setor da construção, além de auxiliar na identificação e discussão das principais dificuldades enfrentadas pela empresa objeto do estudo de caso para a aplicação da norma. A empresa avaliada demonstrou amadurecimento em relação às iniciativas para o atendimento aos requisitos da norma de desempenho NBR 15575 evidenciada por uma evolução clara nos processos e procedimentos para elaboração de projetos.

 ABSTRACT: The civil construction sector has been going through a period of adaptation to the performance standard. This research aims to qualitatively evaluate the implementation of the performance standard in a developer and construction company in Goiânia. The control methods used by the company during the period from 2015 to 2019 were analyzed, to describe the mechanisms used in this process in relation to the hiring of designers, project analysis, tests carried out in the planning phase of the project until its conclusion, executive methods, and improvements to its Quality Management System. Thus, the work contributed to the discussion on the mandatory implementation of the performance standard in the construction sector, in addition to assisting in the identification and discussion of the main difficulties faced by the company object of the case study for the application of the standard.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Tatiana Gondim do Amaral, Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil

Universidade Federal de Goiás (UFG), Goiânia, Goiás, Brasil

Marcelo Fabiano Costella, Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), Chapecó, Santa Catarina, Brasil

Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), Chapecó, Santa Catarina, Brasil

Lahuana Oliveira de Souza Marques, Rodrigues da Cunha Construtora e Incorporadora, Goiânia, Goiás, Brasil

Rodrigues da Cunha Construtora e Incorporadora, Goiânia, Goiás, Brasil

Fausto Carraro, Contruflix, Goiânia, Goiás, Brasil

Contruflix, Goiânia, Goiás, Brasil

Referências

ABNT NBR 15575-1 (2013a). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 1: Requisitos gerais. Rio de Janeiro.

ABNT NBR 15575-2 (2013b). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 2: Requisitos para os sistemas estruturais. Rio de Janeiro.

ABNT NBR 15575-3 (2013c). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 3: Requisitos para os sistemas de pisos. Rio de Janeiro.

ABNT NBR 15575-4 (2013d). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 4: Sistemas de vedações verticais internas e externas. Rio de Janeiro.

ABNT NBR 15575-5 (2013e). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 5: Requisitos para sistemas de coberturas. Rio de Janeiro.

ABNT NBR 15575-6 (2013f). Associação Brasileira de Normas Técnicas. Edificações habitacionais – Desempenho, Parte 6: Sistemas hidrossanitários. Rio de Janeiro.

Andery, Paulo Roberto Pereira; Barbosa, Patricia Elizabeth Ferreira Gomes (2018). Estudo sobre o impacto do SIAC - Sistema de Avaliação da Conformidade - na implementação da NBR 15.565:2013 em empresas construtoras. In: XVII Encontro Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (p. 2542-2547). Foz do Iguaçu. Porto Alegre: ANTAC.

Belém, Karla Grasiele de Souza; Starling, Cícero Murta Diniz; Andery, Paulo Roberto Pereira (2018). Impactos e desafios associados com a implantação da norma de desempenho em edificações prediais. In: XVII Encontro Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído (p. 2556-2561). Foz do Iguaçu. Porto Alegre: Associação Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído.

Borges, C. Alberto de Moraes; Sabbatini, Fernando Henrique (2008). O conceito de desempenho de edificações e sua importância para o setor da construção civil no Brasil. Boletim Técnico da Escola Politécnica da USP, São Paulo, v. 515.

CBIC - Câmara Brasileira Da Indústria Da Construção (2013). Desempenho de edificações habitacionais: guia orientativo para atendimento à norma ABNT NBR 15575/2013. Fortaleza: Gadioli Cipolla Comunicação.

CBIC - Câmara Brasileira Da Indústria Da Construção (2016). Norma de desempenho: panorama atual e desafios futuros. São Paulo: CTE.

Costella, M. F. (2018). Norma de Desempenho de Edificações: modelo de aplicação em construtoras. Curitiba: Appris.

Cotta, Ana Claudia (2017). Contribuição ao estudo dos impactos da NBR 15575:2013 no processo de gestão de projetos em empresas construtoras de pequeno e médio porte (Dissertação de mestrado). Universidade Federal de Minas Gerais, Escola de Engenharia, Belo Horizonte.

Cotta, A. C.; Andery, P. R. P (2018). As alterações no processo de projeto das empresas construtoras e incorporadoras devido à NBR 15575 – Norma de Desempenho. Ambiente Construído, 18 (1), p. 133-152, Porto Alegre.

Del Mar, Carlos Pinto (2015). Direito na Construção Civil (2a ed.). São Paulo: Pini, Leud.

Marcellini, L.; De Oliveira, L. H. (2008). Avaliação dos requisitos de desempenho de sistemas hidrossanitários do projeto de norma para edifícios habitacionais de até cinco pavimentos. In Encontro Nacional De Tecnologia Do Ambiente Construído, 12. Porto Alegre: ANTAC.

Okamoto, P. S.; Melhado, Silvio Burrattino (2014). A norma brasileira de desempenho e o processo de projeto de empreendimentos residenciais. In Encontro Nacional de Tecnologia do Ambiente Construído, 14. Maceió: ANTAC.

Pagliari, C. S., Amaro, L. C., Lantelme, E. M. V., Pilz, S. E., Costella, M. F. (2019). Dificuldades na implantação da norma de desempenho em construtoras de médio e pequeno porte no oeste de Santa Catarina. Revista de Arquitetura IMED, v. 8, n. 2, p. 97-118.

Pinheiro, G.; Andery, P. (2016). Contribuição ao estudo do processo de projeto de instalações. In Encontro Nacional De Tecnologia Do

Ambiente Construído, 16. São Paulo: ANTAC.

Possan, E.; Demoliner, C. A. (2013). Desempenho, durabilidade e vida útil das edificações: abordagem geral. Revista Técnico-Científica, v. 1. Disponível em: http://creaprw16.crea-pr.org.br/revista/Sistema/index.php/revista/article/view/14. Acesso em: 29 maio 2017.

Downloads

Publicado

2022-12-22

Como Citar

AMARAL, T. G. do; FABIANO COSTELLA, M.; DE SOUZA MARQUES, L. O.; CARRARO, F. DIFICULDADES E SOLUÇÕES NA IMPLANTAÇÃO DA NORMA DE DESEMPENHO EM UMA EMPRESA CONSTRUTORA GOIANA. REEC - Revista Eletrônica de Engenharia Civil, Goiânia, v. 18, n. 2, p. 45–59, 2022. DOI: 10.5216/reec.v18i2.68120. Disponível em: https://revistas.ufg.br/reec/article/view/68120. Acesso em: 19 maio. 2024.