Produção de pisos intertravados tipo paviess com utilização de resíduo de mármore e granito [Production of paviess interval floors with the use of marble and granite residue]

Autores

  • Alexandre Tozzi dos Santos Colnago Faculdade de Tecnologia FAESA (CET-FAESA), Vitória, Espírito Santo, Brasil, alextozzi75@hotmail.com
  • Edson Fernando Oliveira ed.fer.o@hotmail.com
  • Karoline Bonatto Merlo Instituto Brasileiro de Educação Continuada (INBEC), Brasil, karolinebonatto@hotmail.com

DOI:

https://doi.org/10.5216/reec.v14i2.49505

Resumo

Como consequência da grande reserva e variedade de rochas ornamentais, seguida da produção acentuada, o estado do Espírito Santo tem gerado um elevado volume de resíduos durante o processo de extração e corte dessas rochas. Habitualmente os rejeitos oriundos deste processo são depositados em lagoas de decantação ou destinados a aterros, acarretando grave impacto ambiental. O presente trabalho analisou a viabilidade técnica do reaproveitamento do resíduo de beneficiamento de rochas ornamentais (RBRO), quando aplicado em blocos de concreto intertravados tipo PAVIESS, como forma de substituição de agregados miúdos. Para tanto, foram analisadas as propriedades mecânicas dos blocos de concreto, afim de atender a norma regulamentadora. Os traços analisados partiram de um padrão (TP) do qual foi substituído teores de agregado miúdo por RBRO em porcentagens de 5%(T5), 10%(T10) e 15%(T15).  Os blocos foram submetidos a ensaios compressão axial e absorção de água para obtenção dos resultados. Por fim, observou-se que a substituição do agregado miúdo por 10% de RBRO fornece a viabilidade técnica quanto ao seu uso em tráfego de pedestres, trânsito de veículos leves e comerciais, podendo ser utilizado na linha de produção dos blocos de PAVIESS. A principal contribuição deste trabalho é a possibilidade de produção de blocos de PAVIESS utilizando o RBRO, com aceite dentro da norma vigente, para introdução no mercado, sendo relevante a redução de impactos ambientais.

Abstract

As a consequence of the big reservation and variety of ornamental rocks followed by its high production, the state of Espirito Santo has generated a high volume of residues during the process of extraction and cut of these rocks. Frequently, the residues derived from this process are deposited in decantation ponds or landfill what causes a serious environment impact. This paper analyzed the technical viability of reusing the residues derived from the beneficiation of ornamental rocks (RBRO) when applied to interlocked floors like PAVIESS, as a way to substitute the small aggregates. For that, it was analyzed the mechanical properties of the blocks of concrete in order to obey the regulatory norm. The features analyzed were based on a pattern (TP) from which it was substituted contents of small aggregates to RBRO in percentages of 5% (T5), 10% (T10) and 15% (T15). The blocks were submitted to axial compression samples and water absorption in order to obtain the results. Finally, it was observed that the replacement of small aggregates for 10% of RBRO, provides a technical viability concerning the use in traffic of pedestrians, traffic of light and commercial vehicles which can be use in the production of blocks of PAVIESS. The main contribution of this study is the possibility of producing blocks of PAVIESS using the RBRO with acceptance by the current regulation to be introduced in the market, being important the reduction of environmental impacts.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandre Tozzi dos Santos Colnago, Faculdade de Tecnologia FAESA (CET-FAESA), Vitória, Espírito Santo, Brasil, alextozzi75@hotmail.com

Karoline Bonatto Merlo, Instituto Brasileiro de Educação Continuada (INBEC), Brasil, karolinebonatto@hotmail.com

Downloads

Publicado

2018-03-09

Como Citar

TOZZI DOS SANTOS COLNAGO, A. .; FERNANDO OLIVEIRA, E. .; BONATTO MERLO, K. . Produção de pisos intertravados tipo paviess com utilização de resíduo de mármore e granito [Production of paviess interval floors with the use of marble and granite residue] . REEC - Revista Eletrônica de Engenharia Civil, Goiânia, v. 14, n. 2, 2018. DOI: 10.5216/reec.v14i2.49505. Disponível em: https://revistas.ufg.br/reec/article/view/49505. Acesso em: 27 nov. 2022.

Edição

Seção

Construção Civil