Análise experimental de pilares de concreto armado, reforçados com concreto auto adensável e conectores (DOI: 10.5216/reec.v8i2.27295)

Autores

  • Diego Borja Ferreira Universidade Federal de Goiás
  • Ronaldo Barros Gomes
  • Alessandra Luciano Carvalho

DOI:

https://doi.org/10.5216/reec.v8i2.27295

Resumo

RESUMO: O estudo de reforço e reabilitação de estruturas de concreto armado cada vez mais se torna necessário na construção civil. As falhas nas etapas de projeto, de execução, uso e manutenção bem como o uso de materiais de construção de baixa qualidade podem levar a essa necessidade, somando-se a esse fator a mudança funcional da estrutura. O reforço de estrutura se justifica sempre que houver necessidade de aumentar sua capacidade portante. Existem poucos estudos do comportamento dessas estruturas reforçadas o que dificulta a criação de parâmetros que contribuam para a elaboração desses projetos. Nesta pesquisa, foi avaliado o comportamento de pilares de concreto armado solicitados à compressão e excentricidade em apenas uma direção, com uma seção inicial de 120 mm x 250 mm e altura de 2000 mm, reforçados na região comprimida com uma camada de 35 mm de concreto auto adensável. Como armadura de interação, foram utilizados parafusos conectores. Neste estudo as principais variáveis são a posição e a taxa de aço dos conectores. Os pilares reforçados apresentaram aumento na carga de ruptura, em função do aumento da taxa de conectores. Um dos problemas encontrados foi o desplacamento da camada de concreto do reforço próximo à carga de ruptura, sendo necessários outros estudos para solucionar esse fato. Ocorreu ainda uma redução dos deslocamentos horizontais dos pilares, devido à diminuição da ductilidade. Esses resultados mostram a eficiência da técnica de reforço adotada. ABSTRACT: Studying strengthening and rehabilitation in reinforced concrete structures is an ever-growing necessity in civil construction. Flaws during design, execution, use, and maintenance, as well as the use of poor quality construction materials and a structure's functional change may all lead to this necessity. Strengthening a given structure is justified whenever it becomes necessary to increase its bearing capacity. The small number of studies which analyse the behaviour of strengthened structures makes it difficult to establish parameters that may contribute to designing such projects. This research assessed the behaviour of reinforced concrete columns under compression and one-way eccentricity, with an initial section of 120 mm x 250 mm and height of 2000 mm, strengthened in the compressed area with a 35 mm layer of self-compacting concrete. Connector screws were used as interaction reinforcement. The main variables were the connectors' position and steel rate. Strengthened columns showed an increase in rupture load due to the increase of connectors' rate. One of the problems detected was the concrete reinforcement layer spalling near the rupture load, whose solution requires further research. There was also a reduction in columns' horizontal displacements, caused by a decrease in ductility. These results show the effectiveness of the strengthening technique employed.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diego Borja Ferreira, Universidade Federal de Goiás

Mestrando em engenharia civil na area de estruturas e materiais pelo CMEC-UFG

Downloads

Publicado

2014-05-16

Como Citar

FERREIRA, D. B.; GOMES, R. B.; CARVALHO, A. L. Análise experimental de pilares de concreto armado, reforçados com concreto auto adensável e conectores (DOI: 10.5216/reec.v8i2.27295). REEC - Revista Eletrônica de Engenharia Civil, Goiânia, v. 8, n. 2, 2014. DOI: 10.5216/reec.v8i2.27295. Disponível em: https://revistas.ufg.br/reec/article/view/27295. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Estruturas