A REFERÊNCIA AO CONHECIMENTO PEDAGÓGICO NO EXERCÍCIO DA PROFISSÃO DE DOCENTES DAS SÉRIES INICIAIS

Autores

  • Maria Cristina S. Tempesta Mestre e Doutora em Educação, Pesquisadora do Grupo AULA – FE – UNICAMP/SP

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v9i1.15674

Resumo

Os vários modos como os professores das séries iniciais do Ensino Fundamental, que atuam no trabalho de alfabetização, fazem referência aos conhecimentos teóricos e práticos relativos à alfabetização aos quais têm sido sistematicamente expostos, na formação continuada da qual têm participado ao longo de suas experiências docentes, têm sido foco de minhas análises. Para tanto tomo os dizeres dos professores baseando-me na perspectiva dos estudos da linguagem e tomando como referência a teoria enunciativa de Bakhtin (1992b). Também faço uso dos estudos de Vygotsky (1989) no que tange à relação pensamento e linguagem. Tomando como base, portanto, a dinâmica interlocutiva vivida por esses profissionais, creio que este foco de análise ajuda a compreender uma das facetas constitutivas do processo de apropriação de conhecimento dos professores revelada nos dizeres sobre seu trabalho de alfabetização. Tal processo é permeado por disputas, por aproximações e por resistências em relação à divulgação das teorias sobre o ensino da leitura e da escrita.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-09-17