[1]
FRANKE, C.D. 2014. AMAZONA, DE SÉRGIO SANT’ANNA, E A RESSIGNIFICAÇÃO PELA REPETIÇÃO: REUTILIZANDO AS ESTRATÉGIAS SERIALIZANTES DA CULTURA DE MASSA NA TESSITURA DA OBRA LITERÁRIA DOI: 10.5216/lep.v15i1.25142. Linguagem: Estudos e Pesquisas. 15, 1 (out. 2014).