A COMUNIDADE BOOKTUBE E O PROEJA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/lep.v24i1.63601

Resumo

Tem como objetivo principal refletir sobre a comunidade virtual booktube como incentivadora da leitura literária. Além disso, pretendemos discutir o papel desempenhado por essas comunidades no processo de recepção, produção e compartilhamento de conteúdo audiovisual. Para o desenvolvimento da investigação, partimos do entendimento do booktube como uma comunidade de sujeitos que produz vídeos sobre livros e leitura e divulgam na plataforma Youtube. Nesse sentido, propusemos, nas aulas de Língua Portuguesa e Literatura, em turma do Programa Nacional de Integração da Educação Profissional de Jovens e Adultos-PROEJA, o protagonismo dos discentes como booktubers, realizando atividades de leitura, produção e compartilhamento de textos na plataforma Youtube. O acesso às comunidades de leitura, bem como a produção de vlogs literários a serem disponibilizadas na web, pareceu despertar nos alunos, além da curiosidade, o desejo e a motivação para produção de conteúdo literário, incitando a conexão com novos amigos, colegas, fãs e digital influencers.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Dayse Rodrigues dos SANTOS, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA), Santarém, Pará, Brasil, dayserodrigues180@gmail.com

Mestra em Linguística pela Universidade Federal de Goiás-UFG/Universidade Federal de Catalão-UFCat. Professora no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará – IFPA.

Anair VALÊNIA, Universidade Federal de Goiás (UFG), Catalão, Goiás, Brasil, anair_valenia@hotmail.com

Pós-doutoranda pela Universidade de Brasília-UNB. Doutora pela Universidade Estadual de Campinas-UNICAMP, no programa de Pós-graduação em Linguística Aplicada, área de concentração em Linguagem e Tecnologias, com linha de pesquisa em Linguagem, Ensino e Mediação Tecnológica (2013). Mestrado em Linguística pela Universidade Federal de Uberlândia-UFU, área de concentração em Linguística e Linguística Aplicada (2005). Professora Adjunto da Universidade Federal de Goiás - UFG. Docente no Programa de Pós-Graduação Strictu Sensu em Estudos da Linguagem. Membro da American Organization of Teachers of Portuguese-AOTP. Coordenadora do Grupo de Pesquisa Gênero Discursivo e Ensino de Língua- GEGDEL. Atua na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa, desenvolvendo pesquisas principalmente com os seguintes temas: Língua Portuguesa como Língua Estrangeira-PLE, Multiletramentos, Multissemioses, Formação de Professores, Linguística Aplicada, Educação a Distância, Gêneros Discursivos e Análise do Discurso. Desenvolve atualmente o projeto de pesquisa MULTISSEMIOSES, MULTILETRAMENTOS E MULTICULTURALISMOS NA CONSTITUIÇÃO DOS GÊNEROS DISCURSIVOS: INTERFACES TEÓRICO-PRÁTICAS e investiga questões relacionadas à constituição e ensino dos gêneros cânones e digitais, ensino de língua e gênero, tecnologia no ensino de língua. Foi coordenadora dos processos de formação continuada das áreas de Língua Portuguesa e Literatura da Secretaria Municipal de Educação de Uberlândia.

Downloads

Publicado

2020-10-30

Como Citar

SANTOS, D. R. dos .; VALÊNIA, A. A COMUNIDADE BOOKTUBE E O PROEJA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA. Linguagem: Estudos e Pesquisas, Goiânia, v. 24, n. 1, p. 33–44, 2020. DOI: 10.5216/lep.v24i1.63601. Disponível em: https://revistas.ufg.br/lep/article/view/63601. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

O ensino de línguas por meio de gêneros e mediado por tecnologias digitais