POLIFONIA COMO EFEITO DISCURSIVO DOI: 10.5216/lep.v16i1.28498

Autores

  • Luís Fernando Bulhões FIGUEIRA Universidade Federal de Goiás - Campus Catalão

Resumo

Neste artigo, pretendo discutir o conceito de polifonia, concebido pelo filósofo da linguagem russo Mikhail Bakhtin. Procuro demonstrar que o conceito foi desenvolvido, considerando a perspectiva do autor, enquanto um recurso composicional ou um tipo de arranjo textual em produções literárias. Diferentemente, eu examino o mesmo conceito sob a base teórica da Análise do Discurso Francesa, considerando a polifonia como um efeito discursivo produzido nos sujeitos quando da leitura de determinados textos literários.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Fernando Bulhões FIGUEIRA, Universidade Federal de Goiás - Campus Catalão

Doutor em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), em 2012.

Downloads

Publicado

2015-03-10

Como Citar

FIGUEIRA, L. F. B. POLIFONIA COMO EFEITO DISCURSIVO DOI: 10.5216/lep.v16i1.28498. Linguagem: Estudos e Pesquisas, Goiânia, v. 16, n. 1, 2015. Disponível em: https://revistas.ufg.br/lep/article/view/34400. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Interfaces da Análise do Discurso