Alterações na estrutura epidemiológica da Ancilostomose no Estado de São Paulo, Brasil (1900 – 1987)

Autores

  • Pedro Paulo Chieffi
  • Luiz Fernando Ferreira

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpt.v37i4.6225

Resumo

Neste trabalho, analisam-se aspectos da ocorrência de infecção por Ancilostomídeos no estado

de São Paulo desde o início do século passado até 1987, chamando atenção para o significativo decréscimo da freqüência de infecção a partir da segunda metade do século, provavelmente em decorrência de alterações ambientais, de transformações na estrutura social e da disponibilidade de drogas eficazes para o tratamento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-05-11

Como Citar

CHIEFFI, P. P.; FERREIRA, L. F. Alterações na estrutura epidemiológica da Ancilostomose no Estado de São Paulo, Brasil (1900 – 1987). Revista de Patologia Tropical / Journal of Tropical Pathology, Goiânia, v. 37, n. 4, p. 311–322, 2009. DOI: 10.5216/rpt.v37i4.6225. Disponível em: https://revistas.ufg.br/iptsp/article/view/6225. Acesso em: 24 jul. 2024.

Edição

Seção

ATUALIZAÇÃO / UP TO DATE