DOENÇA DE JORGE LOBO: RELATO DE CASO E REVISÃO DE LITERATURA

Autores

  • Alexandre Neves Furtado
  • Hudson Silva Andrade
  • Eduardo Toffoli Pandini
  • Jovarci Motta
  • Patrícia Henriques Lyra Frasson
  • Aloísio Falqueto

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpt.v42i4.27931

Palavras-chave:

Lobomicose, Lacazia loboi, micoses

Resumo

Introdução e objetivos: A doença de Jorge Lobo é uma enfermidade crônica rara causada pelo fungo Lacazia loboi, caracterizada por lesões queloideanas na pele. Objetivou-se realizar revisão de literatura referente ao tema e relatar o primeiro caso de doença de Jorge Lobo atendido no Hospital Universitário Cassiano Antônio Moraes (HUCAM). Materiais e métodos: Os dados do estudo foram obtidos retrospectivamente mediante a análise e revisão sistemática do prontuário de paciente com doença de Jorge Lobo identificado no HUCAM. Relato do caso: Paciente masculino, 37 anos, encaminhado ao HUCAM em abril de 2010 apresentando lesões queloideanas e com diagnóstico prévio de lobomicose por exame anátomo-patológico. Em dezembro de 2011, foi realizada exérese parcial das lesões com enxertia; três meses depois, foi observada recidiva da lobomicose no tecido enxertado. Em junho de 2012, instituiu-se tratamento medicamentoso com clofazimina associada a fluconazol. A ausência de resposta clínica satisfatória dois meses após fez com que a doença fosse considerada fora de possibilidades terapêuticas. Discussão e revisão de literatura: A lobomicose é uma afecção endêmica na Amazônia brasileira e em outras zonas tropicais úmidas das Américas Central e do Sul. Sua transmissão ocorre pela inoculação do fungo através de soluções de continuidade na pele. O diagnóstico é feito por meio do exame clínico e do exame histopatológico ou citológico. A escolha do tipo de terapêutica varia de acordo com a extensão das lesões cutâneas. No entanto, nenhuma das terapias descritas na literatura é totalmente eficaz. Conclusão: No presente caso, falharam as duas principais propostas terapêuticas, sendo a doença considerada incurável.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Como Citar

FURTADO, A. N.; ANDRADE, H. S.; PANDINI, E. T.; MOTTA, J.; FRASSON, P. H. L.; FALQUETO, A. DOENÇA DE JORGE LOBO: RELATO DE CASO E REVISÃO DE LITERATURA. Revista de Patologia Tropical / Journal of Tropical Pathology, Goiânia, v. 42, n. 4, 2014. DOI: 10.5216/rpt.v42i4.27931. Disponível em: https://revistas.ufg.br/iptsp/article/view/27931. Acesso em: 25 jul. 2024.

Edição

Seção

RELATO DE CASO / CASE REPORT