ASSOCIAÇÃO ENTRE ENTEROBIOSE E ENURESE EM CRIANÇAS DE UM ORFANATO DE NATAL, RN, BRASIL

Autores

  • Carlos Alberto Moreira Campos UFG
  • Emanuelly Bernardes Oliveira da Silva
  • Nathalia Weyl Costa Campos

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpt.v40i3.15975

Palavras-chave:

Enterobius vermicularis, Enterobiose, Enurese.

Resumo

Objetivando observar a associação entre enterobiose e enurese noturna, foi feito um estudo com 86 crianças de ambos os sexos moradoras em um orfanato de Natal, RN, com idades variando entre 4 e 12 anos. Para o diagnóstico da infecção, utilizou-se o método de Graham, sendo a enurese

registrada pelo pessoal do orfanato em fichas apropriadas. O tratamento anti-helmíntico foi feito com o mebendazol. As crianças examinadas (somente aquelas com Enterobius ou com Enterobius + enurese) mostraram uma elevada frequência da infecção (72,1% = 62/86). Após o tratamento anti-helmíntico específico, exibiram redução significativa tanto da infecção quanto da enurese (p <0,05). O presente trabalho confirma as observações de vários pesquisadores para os quais a infecção por E. vermicularis pode ter alguma participação na enurese noturna em crianças.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-10-17

Como Citar

CAMPOS, C. A. M.; SILVA, E. B. O. da; CAMPOS, N. W. C. ASSOCIAÇÃO ENTRE ENTEROBIOSE E ENURESE EM CRIANÇAS DE UM ORFANATO DE NATAL, RN, BRASIL. Revista de Patologia Tropical / Journal of Tropical Pathology, Goiânia, v. 40, n. 3, p. 247–252, 2011. DOI: 10.5216/rpt.v40i3.15975. Disponível em: https://revistas.ufg.br/iptsp/article/view/15975. Acesso em: 19 jul. 2024.

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS / ORIGINAL ARTICLES