Identidade homossexual e homoerotismo em “Terça-feira gorda”, de Caio Fernando Abreu DOI10.5216/o.v7i8.9400

  • Adair Marques Filho
  • Flávio Pereira Camargo

Resumo

Neste artigo, propomos, em um primeiro momento, evidenciar alguns aspectos sociais, históricos e culturais relacionados à sexualidade no Ocidente, em particular, à identidade homossexual. Em um segundo momento, passaremos à análise do conto “Terça-Feira Gorda”, do escritor Caio Fernando Abreu, para examinar a relação homoerótica entre os dois personagens masculinos e, sobretudo, explicitar o preconceito existente em relação ao homossexual em nossa sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adair Marques Filho
Mestre em Cultura Visual pela Faculdade de Artes Visuais da Universidade Federal de Goiás. Professor e Coordenador do Curso de Tecnologia em Design de Moda da Universidade Estadual de Goiás, Unidade Universitária de Trindade. E-mail: dadomarx@yahoo.com.br
Flávio Pereira Camargo
Mestre em Letras e Lingüística pela Universidade Federal de Goiás. Professor da Universidade Estadual de Goiás, Unidade de Campos Belos. E-mail: camargolitera@gmail.com
Publicado
31-03-2010
Como Citar
Filho, A. M., & Camargo, F. P. (2010). Identidade homossexual e homoerotismo em “Terça-feira gorda”, de Caio Fernando Abreu DOI10.5216/o.v7i8.9400. OPSIS, 7(8), 69-85. https://doi.org/10.5216/o.v7i8.9400
Seção
Dossiê Corpo e Cultura