O FLUXO DE VEÍCULOS NA RODOVIA BR 163/364 DE 2016 A 2018: UM ENSAIO DE RITMANÁLISE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/revgeoamb.i41.68589

Resumo

O fluxo rodoviário em Mato Grosso tem se intensificado ao longo dos anos, principalmente pela logística do agronegócio. Como estudos sobre a dinâmica das rodovias são importantes, devido a influência que a malha exerce na economia do país, este trabalho tem como objetivo analisar o fluxo de veículos na rodovia BR 163/364 durante os anos de 2016 a 2018. Para atingir o objetivo foram levantados dados anuais e mensais de fluxo, posteriormente foi relacionado esses dados a setores da economia como o agronegócio e turismo, para verificar a influência dos setores econômicos no fluxo da rodovia. A forma de verificar os dados foi pautada nas técnicas da ritmanálise, que é uma ciência que propõe os estudos dos fenômenos através dos ritmos, levando em consideração a totalidade, na qual é verificado que os ritmos dos diferentes fenômenos interagem entre si. A partir deste estudo é possível compreender a relação entre os setores econômicos e o fluxo rodoviário, para verificar a demanda por melhorias.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Roberto Tarifa, Universidade Federal de Rondonópolis (UFR), Rondonópolis, Mato Grosso, Brasil

Possui graduação em Geografia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1969), mestrado em Geografia (Geografia Física) pela Universidade de São Paulo (1972) e doutorado em Geografia (Geografia Física) pela Universidade de São Paulo (1975). Pós-doutorado na School of Applied Climatology, Birmingham University UK(1977/1978), Livre docente pela Universidade de São Paulo (2001). Atualmente, é professor titular da Universidade Federal de Rondonópolis, coordenador do laboratório de climatologia -LABCLIMA- da Universidade Federal de Rondonópolis e assessor científico da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Tem experiência na área de Geociências, com ênfase em Climatologia, atuando nos seguintes temas: Climatologia urbana, balanço hídrico, conforto térmico, ambiente tropical e dispersão de poluentes.

Arquivos adicionais

Publicado

2021-12-08

Como Citar

ANDRADE FERREIRA, E. A.; TARIFA, J. R. O FLUXO DE VEÍCULOS NA RODOVIA BR 163/364 DE 2016 A 2018: UM ENSAIO DE RITMANÁLISE. Geoambiente On-line, Goiânia, n. 41, 2021. DOI: 10.5216/revgeoamb.i41.68589. Disponível em: https://revistas.ufg.br/geoambiente/article/view/68589. Acesso em: 19 maio. 2022.

Edição

Seção

Artigos