[1]
G. M. de Farias, I. L. S. Freire, e C. da S. Ramos, “ASPIRAÇÃO ENDOTRAQUEAL: ESTUDO EM PACIENTES DE UMA UNIDADE DE URGÊNCIA E TERAPIA INTENSIVA DE UM HOSPITAL DA REGIAO METROPOLITANA DE NATAL – RN”, Rev. Eletr. Enferm., vol. 8, nº 1, p. 942, dez. 2006.