Análise de narrativas e experiências de jovens filiados a partidos políticos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/sec.v25.70800

Resumo

O artigo analisa relatos de experiências de jovens filiados a partidos políticos no Brasil. O corpus é formado por depoimentos escritos de 375 jovens filiados a 35 legendas. Os relatos tratam das experiências desses jovens, uma forma de acessar diretamente suas visões e seu lugar de fala como sujeito no âmbito das juventudes partidárias. A metodologia consistiu na aplicação de questionário aberto, com espaço para os informantes relatarem suas experiências. As conclusões mostram que os jovens destacam os seguintes aspectos: aprendizado político, convivência e o “espírito de broderagem”. Outras representações discursivas associam-se ora ao idealismo ora ao pragmatismo político. Alguns relatos destacam ainda o sofrimento causado pela troca de legendas. A discussão dos dados, em diálogo com a literatura, contribui para a compreensão das motivações que levam os jovens a se filiarem aos partidos, permitindo ainda a análise de suas próprias experiências, com base em relatos em primeira pessoa. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Antonio Teixeira de Barros, Centro de Formação da Câmara dos Deputados (CEFOR), Distrito Federal, Brasília, Brasil, antonibarros@gmail.com

Doutor em Ciências Sociais. Docente e pesquisador do Programa de Mestrado em Ciência Política do Centro de Formação da Câmara dos Deputados, Brasil.

Downloads

Publicado

2022-07-06

Como Citar

BARROS, A. T. de. Análise de narrativas e experiências de jovens filiados a partidos políticos. Sociedade e Cultura, Goiânia, v. 25, 2022. DOI: 10.5216/sec.v25.70800. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fcs/article/view/70800. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Dossiê: Representação na América Latina