A atuação da Organização dos Estados Americanos (OEA) e de sua burocracia internacional na defesa da democracia no continente americano

Autores

  • Jan Marcel Almeida Freitas Lacerda Universidade Federal do Tocantins, Porto Nacional, Tocantins, Brasil, janmarcell@gmail.com https://orcid.org/0000-0003-3357-6367
  • Jeane Silva de Freitas Universidade Federal de Pernambuco, Recife, Pernambuco, Brasil, jeanesfreitas@hotmail.com

DOI:

https://doi.org/10.5216/sec.v21i2.56320

Palavras-chave:

OEA, Burocracia internacional, Construtivismo, Democracia, Continente americano

Resumo

Este artigo apresenta a Organização dos Estados Americanos (OEA) e sua burocracia internacional em uma das suas áreas temáticas de atuação no continente americano: a defesa da democracia. Assim, para estudo de caso, aborda-se a atuação da Organização e de sua burocracia na proteção e promoção da democracia no continente americano, principalmente nas crises mais recentes em Honduras (2009) e no Paraguai (2012). Em primeiro lugar, objetiva-se compreender e descrever a OEA e sua burocracia, mas também detalhar o surgimento do sistema interamericano, principalmente na defesa da democracia como tipo ideal de governo para os países da
região e constituindo uma burocracia da OEA para atuar nessa área temática, a Secretaria de Fortalecimento da Democracia (SFD). Em seguida, analisa-se os casos de transgressão do sistema  interamericano de defesa da democracia em Honduras, em 2009, e no Paraguai, em 2012, destacando a centralidade da influência do Secretário-Geral da organização na resolução de crises políticas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jan Marcel Almeida Freitas Lacerda, Universidade Federal do Tocantins, Porto Nacional, Tocantins, Brasil, janmarcell@gmail.com

Jeane Silva de Freitas, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, Pernambuco, Brasil, jeanesfreitas@hotmail.com

Downloads

Publicado

2018-12-17

Como Citar

MARCEL ALMEIDA FREITAS LACERDA, J.; SILVA DE FREITAS, J. A atuação da Organização dos Estados Americanos (OEA) e de sua burocracia internacional na defesa da democracia no continente americano. Sociedade e Cultura, Goiânia, v. 21, n. 2, 2018. DOI: 10.5216/sec.v21i2.56320. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fcs/article/view/56320. Acesso em: 13 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos Livres